Centro oferece cursos profissionalizantes gratuitos para jovens no Grande Recife

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: São 200 vagas em quatro cursos nas áreas de tecnologia e comunicação. Uma das oportundiades é o curso de recondicionamento de eletrônicos  (Foto: Reprodução/TV Globo)Estão abertas as inscrições para cursos gratuitos nas áreas de tecnologia e comunicação, na Região Metropolitana do Recife. Ao todo, estão sendo ofertadas 200 vagas para jovens vindos de escolas públicas ou bolsistas de escolas particulares. São oportunidades para os cursos de recondicionamento de eletrônicos, design gráfico, mídias sociais e aperfeiçoamento profissional.
Podem se inscrever pessoas de 15 a 29 anos. Os cursos, oferecidos pelo Centro Marista Circuito Jovem (CMCJ), tem duração média de dois meses e possuem certificado de qualificação. O centro tem previsão de ampliação do número de vagas ainda neste mês de janeiro. As incrições vão até as vagas serem completamente preenchidas.
O curso de mídias sociais e aperfeiçoamento profissional tem duração de um mês e é voltado para ferramentas como Word, Excel, além das redes sociais. O curso de design gráfico tem duração de três meses.
Já o curso de recondicionamento de eletrônicos tem duração de dois meses e meio. Durante esse tempo, os alunos aprendem a consertar equipamentos como televisão, computadores e rádios, além de identificar quais os equipamentos estão aptos para serem recondicionados e quais peças podem ser reaproveitadas para outros eletrônicos.  

Inscrições

Para realizar a inscrição, os interessados precisam se dirigir até o Centro Marista, que fica localizado na Avenida da Recuperação, nº 318, no bairro de Dois Irmãos, na Zona Norte do Recife. É necessário apresentar o RG, o comprovante de residência e a ficha 19, de conclusão do ensino médio. No caso de alunos da rede privada de ensino, é necessário apresentar um certificado que comprove condição de bolsista. Mais informações através dos telefones (81) 3266.7316 ou (81) 3441.1428.

Empreendedorismo

O Centro Marista conta também com um espaço de criação para os alunos. Lá, são desenvolvidos projetos na área de tecnologia, que permite que os alunos criem seus próprios empreendimentos. Na última edição do curso, um dos alunos criou uma mão mecânica para pessoas que tiveram a mão amputadas. De fácil encaixe, o equipamento permite que eles consigam pegar os objetos.
Outro projeto que está em andamento no laboratório é uma babá eletrônica conectada a uma pulseira vibratória. O microfone da babá fica posicionado no quarto da criança e quando ela chora, a informação é enviada para a pulseira, no braço da mãe, que vibra instantaneamente. A ideia evita que a mãe precise carregar um microfone, além de não fazer barulho.
Através do projeto Computadores para Inclusão, as máquinas consertadas pelos alunos são encaminhadas para telecentros comunitários do Norte/Nordeste e escolas públicas, a fim de criar uma rede de inclusão sociodigital. O centro recebe doação de computadores e eletrônicos.
“Quando algumas pessoas decidem não usar mais o equipamento, esse eletrônico ainda pode ser recuperado, restaurado e colocado à disposição da população”, afirma Domingos Sávio, diretor do Centro Marista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim