sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Escola cívico-militar: Região Nordeste é recordista com 290 prefeituras inscritas para aderir à gestão de excelência

Segundo o site https://portaldeprefeitura.com.brNo país, um total de 643 municípios, das 5 regiões, sinalizou ao Ministério da Educação (MEC) o desejo de participar da iniciativa
Foto: Marcos Corrêa/PR

O prazo para que as prefeituras manifestassem interesse na adesão do Programa Nacional de Escolas Cívico-Militares acabou na última sexta-feira, 11 de outubro. Um total de 643 municípios, das 5 regiões do Brasil, sinalizou ao Ministério da Educação (MEC) o desejo de participar da iniciativa. Agora o MEC fará o processamento das solicitações. Até 15 de novembro, será divulgada a lista das cidades contempladas nesta primeira etapa.
A região Nordeste lidera: 290 prefeituras declararam querer instituições de ensino com a gestão de excelência do modelo cívico-militar. A Sudeste vem em segundo, com 215, seguida por Sul, Norte e Centro-Oeste — com 54, 46 e 38, respectivamente. Vale lembrar que todos os estados — e o Distrito Federal — dessas últimas três já haviam aderido ao programa.   
Foto: Marcos Corrêa/PR
Adesão dos estados – Antes de abrir para municípios de todo o país, o MEC havia estabelecido em setembro um período para os estados e o Distrito Federal aderirem ao programa. Dezesseis unidades da Federação manifestaram o interesse. São elas:
Centro-Oeste 
  • Distrito Federal
  • Goiás
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
Nordeste
  • Ceará
Norte 
  • Acre
  • Amapá
  • Amazonas
  • Pará
  • Rondônia
  • Roraima
  • Tocantins
Sudeste
  • Minas Gerais
Sul
  • Paraná
  • Rio Grande do Sul
  • Santa Catarina
A iniciativa é destinada a escolas públicas. Terão preferência:
  • as regulares que ofertem os anos finais (6º ao 9º) do ensino fundamental, preferencialmente com efetivo de 500 a 1.000 alunos;
  • as com estudantes em situação de vulnerabilidade social e Índice de Desenvolvimento de Educação Básica (Ideb) abaixo da média do estado;
  • aquelas que possuam aprovação da comunidade escolar, por meio de consulta pública, para implantação do modelo.
Os municípios devem, preferencialmente, estar situados em região metropolitana e contar com efetivo da reserva das Forças Armadas. A opção para locais que não houver militares do Exército, da Força Aérea e da Marinha são polícias e bombeiros militares, corporações estaduais.
O modelo de excelência vai abranger as áreas:
  • didático-pedagógica: com atividades de supervisão escolar e psicopedagogia para melhorar o processo de ensino-aprendizagem preservando as atribuições exclusivas dos docentes;
  • educacional: pretende fortalecer os valores humanos, éticos e morais bem como incentivar a formação integral como cidadão e promover a sensação de pertencimento no ambiente escolar;
  • administrativa: para aprimorar a infraestrutura e a organização da escola e, consequentemente, a utilização de recursos disponíveis na unidade escolar.
Os militares vão realizar as tarefas nas três áreas. O governo preservará a exclusividade das atribuições dos profissionais da educação previstas na Lei de Diretrizes e Bases (LDB) da Educação.
Orçamento – O MEC tem o objetivo de instalar 216 escolas cívico-militares em todo o país até 2023 — a iniciativa piloto, em 2020, contemplará 54. Para o ano que vem, o orçamento para o programa é de R$ 54 milhões, R$ 1 milhão por escola. O dinheiro será investido no pagamento de pessoal ou na melhoria de infraestrutura, compra de material escolar, uniformes, reformas, entre outras pequenas intervenções.
                 

“Foi a mão de Deus”, diz pai de menina que sobreviveu a queda do 9º andar

Segundo o site https://guiame.com.br/gospelA pequena Clara, de 10 anos, caiu do 9º andar de um prédio em Belo Horizonte. A família suspeita que ela tenha tido um episódio de sonambulismo.
Prédio onde a menina de 10 anos caiu do 9º andar, em Belo Horizonte. (Foto: Reprodução/TV Globo)

Uma menina de 10 anos que caiu do 9º andar de um prédio em Belo Horizonte (MG) tem sido vista como um verdadeiro milagre.
Clara Pereira caiu do apartamento de um casal de primos no último domingo (13), no bairro Heliópolis. Ela bateu o lado esquerdo do corpo em uma cobertura feita com telhas e caiu dentro da área privativa do vizinho do 1º andar.                                                                                                                                        A menina quebrou a perna, o braço e parte do rosto deste lado e passou por duas cirurgias. Para o pai, Wallace Paes, sua sobrevivência é milagrosa. “Um milagre de Deus. Não tem explicação”, disse ele ao G1.
A família suspeita que Clara tenha tido um episódio de sonambulismo. Todos estavam deitados quando ouviram o barulho da queda e já a avistaram caída na área privativa, segundo relatos.
Segundo Wallace, os médicos disseram que não encontraram nenhum caso parecido, onde uma criança tenha sobrevivido a uma queda desta altura. “Eles procuraram nos registro e não tem nada parecido na medicina brasileira. Acho que até na medicina mundial”, ele disse.
“Foi a mão de Deus. Sem dúvida nenhuma”, destacou Wallace.
O perito criminal da Polícia Civil, André Godoy, afirmou que a estrutura do 1º andar acabou amortecendo o corpo da criança.
“O ponto desse telhado que ela caiu não tinha nenhuma madeira mais rígida. Ele não ofereceu resistência suficiente para causar uma lesão grave fatal, mas ele ofereceu ao mesmo tempo resistência para amortecer essa queda”, disse Godoy. Wallace Paes (de camisa cinza), pai da menina que caiu do 9º andar de prédio e se recupera bem em Belo Horizonte. (Foto: Reprodução/TV Globo)

                                                                                                 
O pai de Clara disse que ela sobreviveu por cair “de lado”. Segundo Wallace, os médicos disseram que, se ela tivesse caído com as costas ou o peito no chão, a queda poderia ser fatal.
Clara não sofreu lesão na coluna. Ela passou por cirurgias na perna, no braço e no queixo ainda no domingo mesmo, no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte.
A menina se recupera no Centro de Terapia Intensiva (CTI) e não irá precisar de novas cirurgias. Wallace disse ao jornal Estado de Minas que Clara passa por uma “recuperação incrível aos olhos dos homens”.
“Ela está bem. Passou bem a noite. Recobrou a consciência ontem [segunda-feira]”, disse o pai.
A Polícia Civil instaurou investigação para apurar o fato. O laudo deve ficar pronto em 30 dias, mas pode pedir mais 30 dias de prorrogação.      

Pesquisadores acreditam ter achado ponto de origem do óleo no Nordeste

Segundo o site https://exame.abril.com.br/brasilTecnologia usada parte dos pontos de chegada das manchas nas praias e faz o caminho para trás, estimando onde o vazamento começou
Óleo no Nordeste: governo afirma que o petróleo é de origem venezuelana (Adema/Governo de Sergipe/Divulgação)

O vazamento de óleo que atingiu todo o litoral do Nordeste do País pode ter ocorrido em uma região entre 600 km e 700 km da costa, na altura dos Estados de Sergipe e Alagoas.
A estimativa foi feita por pesquisadores do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (Coppe) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que trabalharam com uma tecnologia conhecida como modelagem inversa, que parte dos pontos de chegada das manchas nas praias e faz o caminho para trás, estimando o ponto de origem desse óleo.                                                                                                                    O estudo foi encomendado pela Marinha à Coppe/UFRJ. Até esta quarta-feira, 178 localidades haviam sido atingidas pelas manchas, de acordo com o Ibama.
O cálculo usou como ponto de partida o mapa atualizado diariamente pelo órgão ambiental que mostra os dias e locais em que as manchas estão chegando às praias do Nordeste. Considerando as condições oceânicas, como correntes marinha, temperatura da superfície da água e os ventos, os pesquisadores desenharam o caminho para trás.
Ao cruzar todas essas trajetórias, eles chegaram a uma região onde provavelmente o vazamento ocorreu. A análise permite estimar também o dia em que houve o acidente: por volta de 14 de junho.
O engenheiro Luiz Landau, que coordena o Laboratório de Métodos Computacionais em Engenharia da Coppe, explica que trata-se de uma estimativa, mas que busca reproduzir do modo mais fiel possível as condições do evento. “Não sabemos, por exemplo, exatamente a que horas as manchas chegaram à costa, mas mesmo dentro dessas limitações, testamos vários cenários e chegamos a uma região provável da origem desse óleo”, disse Landau ao jornal O Estado de S. Paulo.
O trabalho não indica exatamente um ponto específico do vazamento, mas uma região provável – um retângulo cujo lado maior tem cerca de 100 km de comprimento. “A gente considerou como se as pequenas manchas estivessem se movendo para trás até se juntarem nessa região no meio do Oceano Atlântico. Com mais investigação, podemos chegar a um raio menor, mas para dar uma resposta rápida nesse momento de crise, é o que conseguimos mostrar”, complementou o oceanógrafo Luiz Paulo Assad, colaborador do laboratório e professor do Departamento de Meteorologia da UFRJ.

Difícil visualização por satélite

Segundo ele, a análise corrobora informações que vem sendo dadas pelo governo de que não foi possível ver a mancha antes de as praias começarem a serem contaminadas. Logo após o vazamento, o óleo, ainda bastante fluido, fica na superfície, o que até permitiria sua visualização por satélites. Mas, segundo Assad, há poucos satélites voltados para o alto mar.
“Depois de um tempo, o óleo sofre com intemperismo e afunda, movendo-se na sub-superfície, o que o deixa invisível para sensores remotos de satélites. Por um momento, que não sabemos ainda quanto, ele de fato ficou visível, mas em uma região que não há monitoramento frequente por satélite. Teria de dar a sorte de bem na hora do acidente estar passando um satélite por lá, mas é quase como achar uma agulha no palheiro. Os satélites que olham o mar são mais voltados para a região costeira”, diz.
Ele apontou ainda para a necessidade de monitoramento permanente do mar. “Se houvéssemos desenvolvido um sistema de monitoramento de óleo no mar, que evidentemente contaria com a ajuda de diversas instituições de pesquisa e outros segmentos da sociedade civil, a gente poderia ter rotinas de monitoramento que poderiam envolver a aquisição de imagens de regiões em alto mar que são propícias a passagens de embarcações que transportam óleo”, defende.
“O Brasil possui expertise para ter um sistema de identificação e monitoramento do mar em toda a costa de modo proativo e não reativo como está ocorrendo agora”, diz.
Os pesquisadores acreditam que o mais provável é que tenha ocorrido um grande vazamento neste local, talvez durante uma malsucedida operação conhecida como ship-to-ship, em que o óleo é transferido de uma embarcação a outra em alto-mar, o que traz altos riscos de acidente.
Eles dizem não ver relação das manchas com os barris da Shell encontrados em praias do Sergipe e de Natal. “Nosso entendimento é que não há relação entre a tragédia que está acontecendo e os barris. Não há a menor relação”, afirmou Assad.
O próximo passo, agora, é tentar fazer o caminho oposto e tentar estimar para onde a mancha pode se encaminhar. 

Defesa de Lula vai à Justiça contra regime semiaberto que Lava Jato pediu

Segundo o site https://exame.abril.com.br/brasilEx-presidente reafirmou que não aceita a progressão de pena porque vai buscar "a liberdade plena, a inocência e o reconhecimento de que não cometeu crime"
Lula: ex-presidente não quer aceitar progressão de pena para o regime semiaberto (Victor Moriyama/Getty Images)


São Paulo — O advogado Cristiano Zanin Martins, que defende o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou que vai pedir à Justiça que indefira o pedido da força-tarefa da Operação Lava Jato pela progressão de pena do petista para o regime semiaberto. A declaração foi feita nesta sexta-feira, 18, na porta da Polícia Federal em Curitiba.

“O ex-presidente reafirmou que não aceita o pedido do MPF de progressão de pena porque ele vai buscar a sua liberdade plena, sua inocência e o reconhecimento de que não praticou qualquer crime”, disse o advogado.                                                                                                  Procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba pediram no dia 27 de setembro à juíza da Vara de Execuções Penais do Paraná, Carolina Lebbos, para que Lula migre ao semiaberto.
A petição é assinada por 15 procuradores, incluindo o coordenador da força-tarefa, Deltan Dallagnol. Lula está preso em regime fechado desde o dia 7 de abril do ano passado. Ele cumpre pena de 8 anos e 10 meses no caso triplex do Guarujá (SP), imposta pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).                                  A progressão da pena de Lula está condicionada ao pagamento de valores cobrados na condenação, que sua defesa questiona em juízo desde agosto. Cálculo judicial aponta que o ex-presidente tem de pagar R$ 4,1 milhões de multa e reparação de danos.
No regime semiaberto, a pena de prisão passa a ser atrelada a um trabalho e é cumprida em colônias agrícolas ou industriais. Na prática, pela ausência de instituições deste tipo ou equivalentes, Lula pode passar a cumprir a pena em domicílio se a juíza conceder a progressão, no chamado regime semiaberto “harmonizado” com tornozeleira eletrônica – a exemplo do que ocorreu com ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto      

Presidente Jair Bolsonaro assina MP que cria 13º para os beneficiários do Bolsa Família

Segundo o site https://noticias.r7.comMais de 13 milhões de famílias beneficiárias do Bolsa Família devem receber o 13º salário já em dezembro este ano. O governo vai investir R$ 2,5 bilhões com o novo benefício. 

 

O Blog Visaõ Surubim Parabeniza o Presidente dos Vereadores de Surubim Fabrício Brito por mais um ano de vida

Hoje você Fabrício Brito  inicia uma nova jornada, e nesse momento de alegria por você estar completando mais um ano de vida, quero lhe dizer que tenho muito orgulho em compartilhar da sua amizade. Parabéns meu amigo, e feliz aniversário!
Hoje e sempre você merece muitos abraços e homenagens. Que Deus, nosso Pai, ilumine ainda mais seu caminho, para que possa conquistar todos os seus sonhos. Quero também lhe agradecer, por tudo o que tem feito para que a nossa amizade fique cada vez melhor. Parabéns!

PACIENTES ESPERANDO MESES POR CIRURGIA EM RECIFE

Segundo o site Assessoria de Imprensa Deputada Estadual Clarissa Tércio: Esse é o retrato do Hospital da Restauração, uma das maiores emergências do país e a maior do nosso estado.
É inadmissível o que o Governo de Pernambuco está fazendo com a população que mais precisa. Um descaso sem precedentes. O povo está pagando um alto preço, por conta da irresponsabilidade de um governo que não consegue disponibilizar um atendimento digno aos pernambucanos. Presenciei um verdadeiro caos, com pacientes esperando meses por uma cirurgia que não chega e acompanhantes dormindo no chão. Um desrespeito ao cidadão que paga caro por um atendimento à saúde que não existe.

Escola cívico-militar: Região Nordeste é recordista com 290 prefeituras inscritas para aderir à gestão de excelência

Segundo o site  https://portaldeprefeitura.com.br :  No país, um total de 643 municípios, das 5 regiões, sinalizou ao Ministério da Educação...