Apesar do desperdício de matéria-prima, governo mantém olhar positivo sobre energia a partir de cana

Segundo o site https://www.novacana.com: No ano em que a geração de energia elétrica com bagaço de cana-de-açúcar completa seu 30º aniversário, boa parte do potencial dessa matéria-prima continua sendo desperdiçada pelo setor. Contudo, o governo brasileiro mantém um olhar relativamente positivo sobre o tema, apontando que os resíduos da indústria sucroenergética se destacam como fonte de energia no país.silhouette engineer repair and electrical installation work on high voltage pylons over Blurred construction site.CSR ESG Business on industry, People, Science, Technology, Transportation concept.Além disso, a bioenergia proveniente do bagaço de cana estaria se revelado muito competitiva no Sistema Interligado Nacional (SIN).
Iniciativas governamentais de fomento à renovação e modernização das instalações de cogeração aumentaram a eficiência de conversão da energia da biomassa. Dessa maneira, aumentou-se também a geração de excedentes e sua distribuição, contribuindo para a diversificação do setor e o aumento de sua receita.


“A bioeletricidade proveniente do bagaço de cana pode ser vista como um negócio multicommodity, envolvendo a comercialização de quatro produtos: açúcar, etanol, eletricidade e créditos de carbono. Isso coloca esta bioeletricidade com um grande potencial na matriz energética nacional”.


Confira a seguir a avaliação da quantidade de energia já contratada pelo setor elétrico, a análise de seu potencial técnico e a projeção de oferta de bioeletricidade, a partir do comportamento histórico da geração a partir do bagaço.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim