Foragido da Justiça da Espanha por crime de fraude é preso em Ipojuca

 Segundo o site https://www.folhape.com.br/noticias: Homem foi encaminhado ao Cotel e está à disposição do STF até extradição para o país europeu

Um espanhol de 42 anos foi preso em Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco, pelo crime de fraude, equivalente no Código Penal do país europeu a estelionato. O homem era considerado foragido da Justiça espanhola.

A prisão, efetuada pela representação regional da Polícia Internacional (Interpol) ocorreu na tarde de quinta-feira (10), segundo divulgou a Polícia Federal (PF).

Informações das autoridades espanholas indicam que, em 2019, o homem, se passando por um agente imobiliário, teria intermediado uma suposta compra de imóvel e recebeu a quantia de € 1.315 (equivalente a cerca de R$ 7,5 mil).                                                                                      

Após receber o dinheiro pela reserva do apartamento, o espanhol desapareceu com a quantia, enganando a vítima

A prisão preventiva do homem foi decretada em 27 de setembro de 2021 e a Justiça da Espanha solicitou a inclusão do seu nome na difusão vermelha da Interpol, em 8 de outubro de 2021.

A localização e prisão do espanhol ocorreram através de diligências realizadas por policiais federais lotados no Núcleo de Cooperação Policial Internacional (Interpol/PE). O preso já foi encaminhado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.

No sistema prisional, o estrangeiro está à disposição do Supremo Tribunal Federal (STF), até que seja autorizada a sua extradição à Espanha.    

Postar um comentário

0 Comentários