Header Ads Widget

header ads

Recife sedia exposição inspirada nos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

 Segundo o site https://www.folhape.com.br/noticias: As esculturas estarão disponíveis de 26 de outubro e 26 de novembro na área externa do Cais do Sertão, no Bairro do Recife

A área externa do Cais do Sertão, no Bairro do Recife, área Central da Capital pernambucana, recebe entre os dias 26 de outubro e 26 de novembro a exposição 17 ODS para um Mundo Melhor, que apresenta esculturas feitas por artistas plásticos engajados em causas sociais inspiradas nos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) - metas globais que integram a Agenda 2030 - pacto firmado por 193 países-membros da Organização das Nações Unidas (ONU), incluindo o Brasil.                                                                                                            A abertura oficial será na próxima terça-feira (26), às 10h, com uma live-painting da artista plástica pernambucana Maria Xilo e a participação de alunos da Rede Municipal de Ensino do Recife. A transmissão será pelo perfil @17odsparaummundomelhor no Instagram. A exposição que objetiva democratizar o acesso à arte, já passou pelas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Salvador.


O projeto concebido pela Toptrends, empresa especializada em marketing cultural, conta com o apoio do Ministério do Turismo, através da Secretaria Especial de Cultura; patrocínio do grupo Colgate-Palmolive; e apoio local da Empetur e da Prefeitura de Recife, através da Secretaria Municipal de Educação, que promoverá uma série de oficinas para levar as temáticas dos ODS para as salas de aula.                                                                      

Além das 17 esculturas de globos terrestres, com 1,8m de altura cada, utilizados como suporte tridimensional por artistas renomados, das mais variadas vertentes - Alexandre Truff, Mundano, Beatriz de Carvalho, Fabiano Al Makul, Priscila Barbosa, Maramgoní, Fernanda Eva, Pomb, Marcelo Stefanovicz e Consuelo Cornelsen, Giovanna Nucci, Binho Ribeiro e o coletivo SHN -,  na capital pernambucana, a mostra contará com uma obra da artista Maria Xilo,  que abordará o ODS 4, sobre educação inclusiva e de qualidade para todos.  

De acordo com Catherine Duvignau, CEO da Toptrends, a exposição amplia o conhecimento da população sobre os ODS, evidenciando a urgência dessa pauta para a sustentabilidade do planeta. “Através da arte, vamos convidar a todos a refletirem sobre o papel de cada um de nós na construção de um mundo sustentável e mais inclusivo”, conclui.

A Agenda 2030 compreende que a cultura e a educação possuem um papel fundamental para promover as mudanças sociais necessárias para a construção de um futuro melhor para o planeta. A Colgate-Palmolive, patrocinadora do evento, tem o compromisso global de até 2025 ter 100% de todo o portfólio feito de embalagens recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis.

“A nossa estratégia de sustentabilidade e impacto social engloba obter a Certificação Lixo Zero (atesta a correta gestão de resíduos sólidos) para operações globais e a construção de 100% das novas fábricas com certificado LEED (para construções sustentáveis). Entre outras iniciativas, o nosso maior interesse é incentivar a indústria e nossos concorrentes a nos acompanharem nessa empreitada, para que estejamos alinhados a esses padrões na busca por um futuro mais sustentável”, destaca Nelson Malta, diretor de Marketing na Colgate-Palmolive do Brasil.          

Postar um comentário

0 Comentários