terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

Penitenciária libera acusado de dois homicídios no lugar de outro que roubou uma bicicleta e continua preso

Segundo o site https://www.diariodocentrodomundo.com.brUma falha de identificação no presídio de Planaltina de Goiás colocou um detento em liberdade no lugar de outro.
O homem que deveria ter saído responde pelo roubo de uma bicicleta, e ainda continua preso. Quem saiu por engano é acusado de ter cometido dois homicídios e está foragido desde a saída do presídio. A situação ocorreu em 27 de janeiro. Na época, Bryan Sousa Silva deveria ter sido solto, mas Jhonathan Wesley Lima Ferraz fingiu ter a identidade do homem e saiu do presídio em seu lugar.
De acordo com o advogado de Bryan, Renato Brandão, os agentes prisionais não cumpriram com requisitos de identificação para confirmar quem era a pessoa liberada.
O informado à defesa é que a checagem de dados foi feita diretamente com o preso, ao responder dados como o nome completo, nascimento e filiação para comprovar a identidade. Por ter dado as respostas corretas, os agentes teriam assumido se tratar do homem a ser solto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário