terça-feira, 7 de janeiro de 2020

Homem desiste de pular de prédio após multidão cantar louvor, em Minas

Segundo o site https://guiame.com.brDepois de três horas sendo incentivado a não cometer suicídio, o homem desistiu de pular do prédio onde morava em Patos de Minas.Homem de 43 anos desistiu de cometer suicídio após multidão cantar. (Foto: Reprodução/Patos Já)Homem de 43 anos desistiu de cometer suicídio após multidão cantar. (Foto: Reprodução/Patos Já)
Um homem que ameaçava se jogar de um prédio no centro de Patos de Minas (MG) desistiu de cometer suicídio, depois de ouvir louvores e palavras de incentivo. O caso aconteceu em 10 de dezembro, mas voltou a repercutir esta semana nas redes sociais.
Por volta das 17h45, o homem de 43 anos ficou na janela do apartamento onde passou a morar recentemente. Foram mais de três horas ameaçando se jogar do prédio na rua Olegário Maciel, no centro da cidade.
Segundo o capitão do Corpo de Bombeiros, Arthur Fábio, viaturas foram acionadas pelos próprios familiares da vítima. O capitão explicou que o homem sofre de esquizofrenia e estava se sentindo perseguido por alguém, sem dar detalhes.
A movimentação chamou a atenção de centenas de populares, que se reuniram em frente ao prédio. Para incentivar a vítima a desistir do suicídio, muitos cantaram louvores como “Raridade”, do cantor Anderson Freire.
“Você é um espelho que reflete a imagem do Senhor. Não chore se o mundo ainda não o notou. Já é o bastante Deus reconhecer o seu valor”, diz a canção.
Por volta das 21h, o homem desistiu de pular e foi levado pelos bombeiros à Unidade de Pronto Atendimento.
Assista:
MG Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário