sexta-feira, 3 de maio de 2019

Gás de cozinha terá reajuste de 3,6% a partir de domingo (5)

Segundo o site https://www.correiodoestado.com.br: Petrobras informou sobre aumento no final da tarde de sexta
O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) anunciou nesta sexta-feira (3), que o GLP com embalagem de 13 kg (gás de cozinha) será reajustado a partir da meia-noite de 5 de maio (domingo). 
Pelos cálculos do sindicato, o reajuste deve variar entre 3,3% e 3,6%, dependendo do polo de suprimento. Além disso, o valor do GLP empresarial está 19,5% maior do que o botijão doméstico. A informação só foi encaminhada pela Petrobras, no final do dia, revelou o Sindigás. 
TRAJETÓRIA PREÇOS
Na última terça-feira (30 de abril), a refinaria elevou o preço da gasolina na refinaria em 3,54%, elevando o preço médio para R$ 2,04. O índice é considerado o maior desde outubro do ano passado, sendo que o último reajuste aconteceu no dia 23 de abril. 
No acumulado de abril, a gasolina da Petrobras apresentou elevação de 11,6 por cento, refletindo, em parte, os ganhos do petróleo no mercado internacional. A commoditie é um dos parâmetros utilizados pela companhia em sua política de preços de combustíveis, que também leva em conta o câmbio.
No caso do diesel, a cotação média nas refinarias segue mantida em 2,2470 reais por litro. Alguma alteração só poderá acontecer a partir de segunda-feira (6), já que para este produto, a Petrobras adotou uma sistemática que permite reajustes em períodos iguais ou superiores a 15 dias.
Com informações do Sindigás

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prometida por Bolsonaro, dessalinização já dava água a milhares no Nordeste

Segundo o site https://www.viparaguaia.com: Ao longo de 30 anos foram instalados de 3.500 a 4.000 dessalinizadores. S ão 6h, e os morado...