Pacientes enfrentam filas de madrugada e não conseguem atendimento em posto de saúde no Recife

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco:
Problema é relatado por diversas pessoas que procuram serviços na Unidade de Saúde da Família da Mustardinha, na Zona Oeste.
Fazer exames, consultas e procedimentos como coleta de sangue em um posto de saúde no bairro da Mustardinha, na Zona Oeste do Recife, é uma tarefa complicada para quem mora na comunidade. Na porta da unidade, o aviso de que o serviço de coleta não está disponível nesta quarta (5) já mostra os primeiros indícios de que quem precisa de ajuda médica também precisa de paciência. (Veja vídeo acima)
A falta de fichas para coleta de sangue é um problema antigo, segundo pacientes que precisam do serviço no posto. “Uma vez eu cheguei no posto às 4h30 e não consegui nada. Já estava tudo completo e tinha muita gente na fila. Voltei para casa com cara de tacho”, reclamou a aposentada Neuza Alves, de 69 anos, depois de tentar fazer uma coleta de sangue na unidade.     O posto é uma das unidades de saúde do Recife em que atuavam médicos cubanos pelo programa Mais Médicos. “A médica que ficou no lugar é muito boa, mas a gente quase nunca consegue se consultar”, reclamou a dona de casa Rejane Vasconcelos.
Marcar consultas também é algo difícil para quem precisa de atendimento médico no local. “Cheguei hoje às 5h, o posto abriu às 7h30. Disseram que não tinha mais como marcar e eles pedem para eu ficar vindo”, contou o paciente Francisco Carlos Queiroz, que não conseguiu marcar consultas para endocrinologista e psiquiatra.     Dentro da unidade de saúde, uma funcionária informou nesta quarta (5) que os exames de prevenção também não vão ser feitos. “Não chegou material para a prevenção ainda, não vai ter prevenção”, disse.     
Pacientes de Unidade de Saúde da Família Mustardinha reclamam de falta de remédios e da dificuldade para marcar consultas — Foto: Reprodução/TV Globo
Um funcionário terceirizado afirmou, também nesta quarta (5), que alguns medicamentos para a farmácia do posto chegaram na terça (4), mas ainda não havia condições de entregar os remédios à população.
A Gerência do Distrito Sanitário 5 esclarece que as coletas de sangue na Unidade de Saúde da Família da Mustardinha são previamente agendadas e realizadas às terças e quintas-feiras.
Por meio de nota, a Secretaria de Saúde do Recife informou que a farmácia da USF recebeu o abastecimento mensal de insumos e medicamentos na manhã desta quarta (5). Segundo o órgão, não existe distribuição de fichas para marcação de exames ou consultas, que devem ser agendados pela Regulação da Secretaria de Saúde do Recife.
Denúncias podem ser feitas através do telefone da Ouvidoria da Saúde, no número 0800 281 1520. A ligação é gratuita.
                                                               
            

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim