Lula pede que STF trave processo da Odebrecht até que Comitê da ONU avalie se Moro violou seus direitos civis

Segundo o site www.imprensaviva.com: Prestes a enfrentar mais uma possível condenação na Lava Jato, novamente pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, o ex-presidente Lula entra com mais um recurso no Supremo Tribunal Federal para tentar travar o juiz federal Sérgio Moro.O portal jurídico JOTA acaba de informar que a defesa do petista pediu que o STF suspenda ação penal do que pesa contra o condenado por suposto recebimento de vantagens indevidas da Odebrecht até que o Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) julgue se ele teve seus direitos civis e políticos foram violados pelo juiz Sergio Moro.

Lula tenta evitar uma condenação logo após a eleição, já que esta ação penal está na fase final na Justiça Federal do Paraná. A defesa de Lula tenta usar argumentos supostamente baseados na opinião de dois integrantes de um Comitê da ONU composto por mais de 15 membros.  Os advogados pedem, inclusive, que o prazo para a entrega das alegações finais só comece depois que forem entregues as considerações finais dos advogados dos réus que fizeram delação premiada, como Marcelo Odebrecht.

No habeas corpus, os advogados de Lula ainda que o Supremo determine a retirada de termo da delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci do processo, sob a alegação de que o juiz Sergio Moro teria tentado influenciar as eleições presidenciais ao anexar o documento na ação a seis dias do primeiro turno das eleições presidenciais.

As informações foram divulgadas pelo JOTA no final da tarde desta terça-feira, 23. Confira aqui a matéria completa!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim