Ericsson reforça presença no Brasil e firma parceria com Inatel para implantação de Centro de Serviços no Sul de Minas

Segundo o site Assessoria de Imprensa Weber Shandwick, Marina Morelli: Até o final do ano, Centro de Serviços da Ericsson no Inatel terá cerca de 150 profissionais atuando, entre formados e em formaçãoEricsson completa la compra de la firma alemana de ...
  • Serviços desenvolvidos no Brasil serão de integração e ativação de sites, design tuning e otimização para redes celulares nas tecnologias 2G, 3G e 4G
  • Iniciativa visa promover a capacitação da mão de obra nacional para o setor TIC
Ericsson (NASDAQ: ERIC) firmou uma nova parceria com o Inatel (Instituto Nacional de Telecomunicações) para a transferência de conhecimento e desenvolvimento de serviços de integração e ativação de sites, design tuning e otimização de redes móveis. O Centro de Serviços, implementado nas instalações do Inatel, localizado em Santa Rita do Sapucaí, Minas Gerais, já está em atuação com 40 profissionais, tendo como meta chegar a 150 profissionais até o fim do ano.
A iniciativa marca o compromisso da Ericsson com o país. Com fábrica instalada há mais de 60 anos no Brasil e presença comercial há quase 100 anos, a implantação do Centro de Serviços no Inatel tem por objetivo promover a capacitação de mão de obra para o setor TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação), por meio da transferência de conhecimento, mais eficiência no campo da inovação e a interação entre os ambientes acadêmico e corporativo.
Eduardo Ricotta, presidente da Ericsson no Brasil e ex-aluno do Inatel, explica: "Trouxemos o Centro de Serviços para o Brasil para usarmos as competências que temos aqui. O Inatel é um celeiro de inovação, com talentos promissores e reconhecido por sua excelência em ensino e pesquisa na área de Engenharia, ou seja, eram os parceiros ideais para o nosso desafio constante de capacitar mão de obra para o setor TIC e promover a evolução da tecnologia. Além disso, essa iniciativa aumenta a empregabilidade dos profissionais da região Sul de Minas, e promove o desenvolvimento de mão de obra qualificada para o mercado brasileiro".
Marcelo de Oliveira Marques, diretor do Inatel, comenta: "Essa é mais uma parceria de sucesso entre o Inatel e a Ericsson, que contribuirá para o desenvolvimento de todo o setor de telecomunicações e tecnologia da informação do nosso país, trazendo soluções tecnológicas e serviços inovadores para a melhoria da qualidade de serviço oferecida ao usuário final, além de fortalecer o processo de desenvolvimento de novos talentos para o mercado de tecnologia através da formação especializada de nossos aluno".
A iniciativa faz parte do programa global de capacitação de mão de obra especializada realizado no Centro de Serviços Tecnológicos de Engenharia e Formação de Especialistas (SSIC), criado no Inatel e destinado a projetos da Ericsson. Os profissionais terão ainda atividades de monitoramento de performances de elementos na rede, para expansão dos conhecimentos de recursos de rede, com foco na melhoria da experiência do usuário (melhor conectividade), tanto em capacidade como em taxa de conexão.
Outras parceriasA parceria entre Ericsson e Inatel não é de hoje. O primeiro convênio assinado entre as duas instituições foi em 1968, para a criação do Prêmio Ericsson. À época o melhor aluno de cada turma de formandos do Inatel era contratado pela empresa com treinamento direcionado. Esse programa desenvolveu muitos talentos, que ao longo dos anos ocuparam posições de destaque na empresa, tanto dentro quanto fora do país.
Nas décadas de 80 e 90, a parceria se voltou para a área de treinamento, permitindo que instrutores da empresa ministrassem disciplinas do curso de Engenharia Elétrica na instituição e que especialistas do Inatel integrassem a equipe de treinamento da companhia, com o objetivo de compartilhar conhecimento e práticas.
Em 2001, a Ericsson apoiou a implantação e operação do mestrado em Telecomunicações da Instituição, por meio de um projeto baseado na Lei de Informática. O apoio foi decisivo para o início do curso e sua manutenção nos primeiros anos. Em 2006, teve início o convênio na área de Pesquisa e Desenvolvimento, que se estende até hoje, com a criação de um ambiente específico para desenvolvimento de projetos para a empresa.
O desenvolvimento do OSS (Operations Support Systems), sistema comercializado pela Ericsson a operadoras do mundo todo, passou a ser feito pelo Inatel em novembro de 2015. Hoje, o convênio contempla trabalhos de BSS (Business Support Systems). Desde 2016, a parceira se estende para a área de Empreendedorismo, com o apoio da multinacional ao espaço de Crowd Vale da Eletrônica, criado no Inatel como parte do Programa Telefônica Open Future para promover a inovação.
NOTAS AOS EDITORES
Para kits de imprensa, contexto e fotos em alta resolução, acesse www.ericsson.com/press-center
MAIS INFORMAÇÕES EM:
Centro de NotíciasPriscilla Staell, Comunicação ExternaFone: +55 11 2224 1876E-mail: priscilla.staell@ericsson.com
SOBRE A ERICSSONA Ericsson permite que os provedores de serviços de comunicações obtenham todo o potencial da conectividade. O portfólio da empresa abrange redes, serviços digitais, serviços gerenciados, negócios emergentes e é projetado para ajudar nossos clientes na digitalização, aumentando a eficiência e encontrando novos fluxos de receita. Os investimentos da Ericsson na inovação promovem os benefícios da telefonia e da banda larga móvel para bilhões de pessoas ao redor do mundo. A ação da Ericsson está registrada na bolsa de valores Nasdaq em Estocolmo e na NASDAQ em Nova York. www.ericsson.com
Informações para imprensa:Erika BorgesT +55-11-3027-0212C +55-11-98282-0047E eborges@webershandwick.comW www.webershandwick.com.br
Weber Shandwick,

Av. Eng. Luís Carlos Berrini, 1297 - 3º andar - 04571-010 - São Paulo, Brasil

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim