Médicos da rede municipal do Recife encerram greve após cinco dias de paralisação

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Decisão foi definida em assembleia na tarde desta segunda (22). Profissionais voltam ao trabalho a partir da terça (23).Fim da greve dos médicos do Recife foi definido na tarde desta segunda (22) em assembleia (Foto: Thiago Graf/Simepe/Divulgação)Fim da greve dos médicos do Recife foi definido na tarde desta segunda (22) em assembleia (Foto: Thiago Graf/Simepe/Divulgação)
Em greve desde a quinta-feira (18), os médicos da Prefeitura do Recife encerraram o movimento na tarde desta segunda-feira (22), durante assembleia da categoria realizada no bairro da Boa Vista, no Centro do Recife. De acordo com o Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe), a categoria avaliou a proposta apresentada pela administração municipal em relação à campanha de 2017 e aprovou o que foi apresentado. Os médicos voltam ao trabalho na terça-feira (23).
Segundo a presidência do Simepe, a proposta apresentada foi satisfatória, já que houve avanços na pauta de reivindicações dos profissionais. Ainda de acordo com o sindicato, mais de 90% dos médicos que atuam na rede municipal de saúde haviam aderido ao movimento grevista. Entre os pontos acordados com a Prefeitura do Recife, estão a nomeação de 50 médicos para a rede de saúde, a realização de um concurso público para convocação posterior e a nomeação de um coordenador técnico ou médico em cada um dos oito distritos da cidade.
No âmbito da segurança, foi definida a implantação de melhorias na iluminação interna e externa dos locais de trabalho, a ampliação de videomonitoramento dos ambientes de trabalho e a designação de uma viatura para cada um dos oito distritos, para rondas específicas nas unidades de saúde que funcionam por 24 horas.                                                Também ficou definida a requalificação de 18 Unidades de Saúde da Família e a construção de cinco novas unidades. Quanto às reivindicações salariais, a prefeitura propôs 2% de reajuste em janeiro e mais 2% em julho. Outra negociação está prevista para o mês de agosto, além de incorporação da gratificação de plantão e a devolução integral dos descontos aplicados durante a paralisação dos médicos.
    

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Dois Bandidos se dar mal ao tentar roubar a Loja Magazine Luíza em Surubim