quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

SP e Rio têm maior aumento do custo de vida entre cidades globais

Segundo o site https://noticias.r7.com: Estudo mostra que metrópoles viveram "montanha-russa" nos últimos anosSP ocupa 78º lugar em ranking com 133 cidadesSP ocupa 78º lugar em ranking com 133 cidades
Alf Ribeiro/Folhapress      O custo de vida em São Paulo e no Rio de Janeiro foi destaque em um estudo anual feito pela revista britânica The Economist. O levantamento mostra que as duas capitais foram onde viver ficou mais caro em 2017.
O ranking compara preços de bens e serviços em 133 grandes cidades em todos os continentes. São Paulo ficou na posição 78, após subir 29 lugares em relação ao ano passado. Já o Rio de Janeiro em 86º, subindo 27 posições.                                                    “Ambas as cidades sofreram uma montanha-russa nos últimos anos em termos de custo de vida. Cinco anos atrás, São Paulo estava entre as 30 cidades mais caras do mundo, mas no ano passado estava entre as 30 cidades mais baratas”, destaca a The Economist.
Os pesquisadores lembram que a inflação de 2015 e 2016 elevou os preços nas duas maiores metrópoles brasileiras. 
Na América Latina, São Paulo só não é mais cara do que San José (Costa Rica), Cidade da Guatemala e Montevidéu (Uruguai).
Publicidade
Fechar anúncio
Veja as 10 cidades mais caras e as 10 mais baratas para se viver:
• Cingapura
• Hong Kong
• Zurique (Suíça)
• Tóquio (Japão)
• Osaka (Japão)
• Seul (Coréia do Sul)
• Genebra (Suíça)
• Paris (França)
• Nova York (Estados Unidos)
• Copenhague (Dinamarca)
Mais baratas
• Kiev (Ucrânia)
• Bucareste (Romênia)
• Nova Déli (Índia)
• Argel (Argélia)
• Chennai (Índia)
• Mumbai (Índia)
• Karachi (Paquistão)
• Bangalore (Índia)
• Lagos (Nigéria)
• Almaty (Cazaquistão)    

Nenhum comentário:

Postar um comentário