Câmara Municipal de Surubim

Câmara Municipal de Surubim
Câmara Municipal de Surubim

Central do CadUnico no Recife registra filas na manhã desta terça-feira (12)

 Segundo o site https://www.folhape.com.br/noticias: Moradores seguem em busca da inscrição ou atualização do CadÚnico para acesso a programas e benefícios

Moradores do Recife seguem em busca da inscrição ou atualização do Cadastro Único (CadÚnico), sistema do Governo Federal que permite acesso a programas e benefícios sociais, como o Auxílio Brasil e os auxílios destinados à população que foi atingida pelas tempestades que atingiram o Estado nos meses de maio e junho. 
 
Na central do CadUnico na capital pernambucana, localizada no bairro de Santo Antônio, na área central da Cidade, muitas pessoas tentanvam atendimento na manhã desta terça-feira (12). Entre elas, a vendedora desempregada Marcionila Alves de Souza, de 41 anos.
 
“Eu vim em busca de fazer o recadastramento porque já saiu a mensagem quando fui receber o último auxílio de que eu tinha que fazer o recadastramento porque senão bloqueia [o benefício]”, contou. 

                   
Leia também

 
A Central do Cadastro Único funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 15h, mediante a distribuição de fichas. Segundo a população que aguardava atendimento, a quantidade de senhas não é suficiente e muitas pessoas relatam a necessidade de ir ao local mais de uma vez, precisando chegar às vezes de madrugada, na tentativa de efetuar ou atualizar o cadastro e, assim, garantir o acesso aos benefícios sociais.
 

“Têm pessoas que estão sobrevivendo, não é nem vivendo, com essa ajuda do governo. Tem gente que chegou de quatro horas da manhã para pegar uma ficha”, comentou Marcionila, frisando que esta é a terceira vez que ela tenta ser atendida no local. 

Também desempregado, Rodolfo Francisco Sampaio, de 25 anos, mora no bairro de Água Fria, na Zona Norte do Recife, e contou que esta também não é a primeira vez que ele tenta atualizar o cadastro. 
 
“Eu tenho até sexta-feira (15) para atualizar. Se não resolver, a gente fica sem receber o auxílio emergencial. Hoje eu cheguei aqui às 7h. Bem dizer, a gente está passando a semana toda aqui”, disse. “A gente sai de casa sem nem tomar café. Infelizmente, a gente está passando por uma coisa que a gente não podia imaginar”, acrescentou.
A reportagem da Folha de Pernambuco procurou a Prefeitura do Recife para confirmar as ações voltadas para o atendimento no CadÚnico mas não recebeu retorno até a última atualização desta matéria.


 

Postar um comentário

0 Comentários