Mulher reage e mata estuprador enforcado em São Paulo, diz polícia

 Segundo o site https://www.band.uol.com.br/noticias/brasil: Vítima de violência sexual usou um golpe de jiu-jitsu conhecido como mata-leão


Uma mulher que teria sido estuprada na manhã desde sábado (30), na Vila Perus, zona oeste de São Paulo, segundo a polícia, reagiu ao ataque e matou um homem enforcado com um golpe de jiu-jitsu conhecido como mata-leão.  

De acordo com a polícia, a mulher foi socorrida por moradores da região. A tenente Beatriz Miscow, da Polícia Militar (PM), disse em entrevista ao Brasil Urgente, da TV Band, que duas mulheres sofreram abusos. Uma teria fugido e pedido socorro. 

"Elas teriam curtido a noite em um determinado local próximo de onde se deram os fatos, quando estavam retornando para casa foram abordadas por um cara que consumou o ato em relação a uma delas, chegou a estuprar uma das mulheres. Ela conseguiu se desvencilhar dele e deu um mata-leão e acabou matando esse cara enforcado", afirma.  

"Ela pediu socorro para os populares que foram ajudar essa mulher, mas a morte já tinha acontecido. Ela já tinha conseguido conter esse rapaz e ele morreu enforcado", diz a tenente. 

A vítima de violência sexual foi encaminhada ao Hospital Pérola Byington. 

Postar um comentário

0 Comentários