Acesso à água será ampliado com obras da Adutora do Agreste Pernambucano

 Segundo o site http://www.vertentesnoticias.com.br: O Governo Federal vai repassar mais R$ 20,7 milhões para a continuidade das obras da Adutora do Agreste Pernambucano. A estrutura é complementar ao Eixo Leste da transposição do Rio São Francisco e vai garantir água de qualidade para 1,3 milhão de pessoas.

Adutora do Agreste vai beneficiar, na primeira etapa, cerca de 1,3 milhão de pessoas em 23 cidades do estado. - Foto: Dênio Simões/MDR

A Adutora do Agreste Pernambucano vai beneficiar, nesta primeira etapa, os municípios de Águas Belas, Arcoverde, Alagoinha, Belo Jardim, Bezerros, Brejo da Madre de Deus, Buíque, Cachoeirinha, Caruaru, Gravatá, Iati, Itatiba, Lajedo, Pedra, Pesqueira, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, São Bento do Una, São Caetano, Tacaimbó, Toritama, Tupanatinga e Venturosa. A primeira etapa, que conta com 74,3% de execução, terá 695 quilômetros de extensão.

Projeto de Integração do Rio São Francisco
O Projeto de Integração do Rio São Francisco tem como objetivo levar água de qualidade para 12 milhões de brasileiros de 390 municípios dos estados do Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

O empreendimento hídrico é composto por dois eixos de transferência de água: Norte, com 260 quilômetros de extensão, e Leste, com 217 quilômetros. As estruturas captam a água do Rio São Francisco, no interior de Pernambuco, para abastecer adutoras e ramais que vão perenizar rios e açudes existentes na região.

O Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco está em funcionamento desde 2017 e abastece 1,4 milhão de pessoas em 46 cidades de Pernambuco e da Paraíba.

Da redação do Blog Vertentes Notícias
Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional 

                                                                                    
Jornal da Record
Jornal da Record

Postar um comentário

0 Comentários