Nesta terça, ruas do Recife recebem 11 novos radares de trânsito; confira os locais

 Segundo o site https://www.folhape.com.br/noticias: Segundo a Prefeitura, os locais contemplados foram escolhidos a partir do alto índice de acidentes

A partir desta terça-feira (1), o Recife ganhará 11 novos radares de trânsito, no intuito de fiscalizar o excesso de velocidade e impedir outros tipos de infrações. De acordo com a Prefeitura do Recife, os locais que receberão os aparelhos foram escolhidos a partir do alto índice de acidentes nas vias. As novas fiscalizações serão implementadas por meio da Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU).                          Todos os equipamentos passarão por um período educativo, só passando a notificar os motoristas a partir do dia 21 de março. Entre os locais selecionados, estão as avenidas Norte, Caxangá e Governador Agamenon Magalhães. Segundo dados da CTTU, estas foram, respectivamente, as três vias com mais vítimas fatais por sinistros de trânsito entre 2017 e 2020.

Além das três avenidas citadas, também serão contempladas com a Rua Odorico Mendes; Avenida João de Barros e da Avenida Santos Dumont; Estrada Velha de Água Fria, próximo à Avenida Professor José dos Anjos; Avenida Visconde de Jequitinhonha, em ambos os sentidos, próximo à Rua Baltazar Passos; Avenida Doutor José Rufino, próximo à Rua Ipojuca, e Rua Falcão de Lacerda, na altura do entroncamento com a Rua Papa João XXIII.                                                                                  A autarquia responsável informa que o limite de velocidade dos radares vai depender da localização. No entanto, a maioria deles será de 60 km/h. Além do excesso de velocidade, o equipamento vai flagrar os motoristas que pararem de forma irregular sobre a faixa de pedestre, assim como aqueles que ultrapassarem o sinal vermelho

Outros dados

De acordo com a PCR, os dados das notificações de trânsito mostram que a implantação de equipamentos de fiscalização eletrônica no Recife leva à mudança de comportamento dos condutores. 

No bairro do Recife, por exemplo, em 2015, foram registradas 17.308 notificações por excesso de velocidade. Em 2018, no entanto, o número caiu para 11.789 notificações. Uma redução de 31% no índice de desrespeito à velocidade máxima regulamentada.

Já na Avenida Mascarenhas de Moraes, após a implantação dos equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade, o índice de vítimas feridas no trânsito foi de 20%. Na Avenida Rui Barbosa, o número chegou a reduzir em 66%.      

Postar um comentário

0 Comentários