Câmara Municipal de Surubim

Câmara Municipal de Surubim
Câmara Municipal de Surubim

Homem investigado por assassinatos de jovens é indiciado por estupro e homicídio qualificado

 Segundo o site https://www.folhape.com.br/noticias: Edson Cândido Ribeiro foi indiciado por estupro e homicídio qualificado de Jailma Muniz da Silva; as investigações do assassinato de Kauany Mayara Marques seguem em andamento

Nesta terça-feira (15), a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) informou que as investigações sobre o assassinato da jovem Jailma Muniz da Silva, de 19 anos, foram concluídas. Ela foi encontrada morta no dia 31 de janeiro, no Sítio Cueiras, na zona rural do município de Glória do Goitá. Edson Cândido Ribeiro, principal investigado pelo crime, foi indiciado por estupro e homicídio qualificado.                                                                      Ainda de acordo com a corporação, por meio da delegacia do município, o inquérito policial referente à ocorrência foi remetido ao Ministério Público de Pernambuco

Além disso, também foi informado que as investigações sobre o assassinato de Kauany Mayara Marques, de 18 anos, seguem em andamento. Em 1º de fevereiro, o corpo da jovem foi encontrado em avançado estado de decomposição em um bueiro no centro de Glória do Goitá. Edson também é investigado pela morte de Kauany

Captura do suspeito 

Após oito dias de buscas, Edson Cândido Ribeiro, de 35 anos, foi encontrado na casa de familiares na manhã de 7 de fevereiro. O suspeito foi preso em Vitória de Santo Antão, a 20 quilômetros de distância de Glória do Goitá, por volta do meio-dia. 

Segundo a Polícia Civil do Estado, a prisão foi negociada com parentes para preservar a vida de Edson que estava sendo procurado desde o dia 31 de janeiro, data que aconteceu o estupro e assassinato a facadas de Jailma. 

Para conseguir capturar o acusado, uma megaoperação envolvendo forças das polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros e  polícias científicas especializadas foram realizadas com o apoio de helicópteros, drones, carros e motocicletas. A população também participou ativamente das buscas

Entenda os casos 

Em 31 de janeiro, a Polícia Militar encontrou o corpo de Jailma no Sítio Cueiras, na zona rural de Gória do Goitá. De acordo com os parentes da vítima, a jovem levava comida para a mãe e o irmão, que trabalham na área da agricultura, quando foi abordada por Edson, por volta das 7h30. O corpo de Jailma foi encontrado a cerca de 100 metros de onde ela morava com a família. 

Dois dias depois, em 2 de fevereiro, amigos e familiares foram até a casa da vítima, onde ocorreu o velório, prestar as últimas homenagens. Em seguida, o corpo saiu em cortejo até o cemitério Santo Urbano, localizado em Glória do Goitá, onde ocorreu o sepultamento. 

Em 1º de fevereiro, o corpo de Kauany foi encontrado dentro de um bueiro, em avançado estado de decomposição. Ela estava desaparecida desde o dia 29 de janeiro. A certidão de óbito apontou que a morte da jovem foi causada por Traumatismo Crânio Encefálico Grave. 

No dia 3 de fevereiro, familiares e amigos acompanharam o sepultamento da jovem no cemitério de Santo Amaro, no centro do Recife, onde puderam prestar as últimas homenagens.   

Postar um comentário

0 Comentários