Header Ads Widget

header ads

Polícia libera refém, recupera carga roubada avaliada em mais de R$ 80 mil e prende quatro homens

Segundo o site  https://www.folhape.com.br/noticias: Ação ainda apreendeu drogas e arma, segundo a polícia

Uma operação do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) encerrada na madrugada desta terça-feira (5) em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR), terminou na libertação de um refém e prisão de quatro pessoas por posse de arma de fogo, tráfico de entorpecentes, roubo e clonagem de veículo e associação criminosa. 

Um refém feito pela quadrilha foi libertado, assim como foi recuperada uma carga de máquinas de lavar do tipo tanquinho que havia sido roubada em Palmares, na Mata Sul de Pernambuco, avaliada em mais de R$ 80 mil. 

De acordo com informações da Polícia Militar de Pernambuco, os policiais do BPTran realizavam um bloqueio no bairro de Cajueiro Seco quando deram voz de parada ao condutor de um Chevrolet Agile, que desobedeceu e deu início a uma fuga, logo parada pelo efetivo.

O motorista ainda tentou fugir, mas foi alcançado. No interior do carro, estavam outros dois homens e um idoso de 65 anos, que era feito refém pelo trio. 

"O senhor contou aos policiais que teve seu caminhão roubado pelo grupo e que um outro elemento havia ficado para realizar o transbordo da carga, de máquinas de lavar, avaliada em R$ 80.250,00, enquanto os demais ficaram circulando com o proprietário, para evitar que acionasse a polícia", descreveu a polícia.

Parte da equipe policial se deslocou para o local indicado e encontrou o caminhão, um Mercedes-Benz, ainda com todas as 256 máquinas que transportava e prendeu o quarto envolvido. 

Com o trio preso no Agile, que era roubado e com placa clonada, foram apreendidos ainda 40 papelotes de maconha e um tablete com aproximadamente 460 gramas da droga, além de um revólver com seis munições.

Todo o grupo, as drogas e armas apreendidas e o veículo clonado foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Prazeres, onde foi formalizada a prisão em flagrante dos quatro suspeitos.

Postar um comentário

0 Comentários