Header Ads Widget

header ads

Em surto, policial militar armado se tranca em loja em Paulista e faz ameaças; ninguém ficou ferido

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Segundo a PM, as equipes do 17º Batalhão foram até o local, fizeram o isolamento do perímetro e iniciaram as negociações até a chegada do Bope, que finalizou a ocorrência.

Moradores do bairro de Maranguape II, em Paulista, no Grande Recife, foram surpreendidos, na tarde deste sábado (10), pela movimentação de equipes do 17º Batalhão de Polícia Militar (PM), do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Corpo de Bombeiros. As equipes foram acionadas para conter um policial militar que, de acordo com a PM, "estava de posse de arma de fogo, em um momento de surto psicológico".

Segundo a PM, as equipes do 17º BPM foram até o local, um      estabelecimento comercial, na Avenida A, fizeram o isolamento do            perímetro e iniciaram as negociações até a chegada do Bope, que              finalizou a ocorrência.

Vários vídeos enviados à TV Globo mostram a interdição da Avenida                   A e a grande movimentação de curiosos e de viaturas policiais.                            "A ação exitosa resultou na entrega da arma de fogo e munições por parte do policial militar envolvido. Ele foi conduzido para o Hospital da Polícia Militar     para receber os cuidados médicos necessários", informou o comunicado.             Moradora do bairro, Cristina Silva, 38, disse que todos ficaram              assustados e aliviados com o desfecho do caso. "Todo mundo ficou              muito assustado porque a movimentação de policiais era muito grande                e ninguém sabia como terminaria, ele ameaçava se matar. Mas a família          estava presente e conseguiram retirar ele de lá e socorrer", disse.

    

Postar um comentário

0 Comentários