domingo, 7 de março de 2021

No primeiro domingo de medidas restritivas, Governo fiscaliza comércio não essencial

 Segundo o site https://www.folhape.com.br: Nos finais de semanas, o comércio e atividades não essenciais estão proibidos de funcionar

No primeiro domingo de medidas mais restritivas no estado de Pernambuco, o movimento nas ruas do Recife é tranquilo. Sendo somente permitido o funcionamento de atividades essenciais como supermercados, padarias e farmácias, por exemplo. Pela manhã, equipes de fiscalização do Procon Pernambuco vão realizar uma fiscalização para conferir se estão sendo respeitadas as medidas impostas pelo Governo de Pernambuco.                                                                                                  Segundo o gerente de atendimento do Procon Pernambuco, Pedro Cavalcanti, a ação tem o objetivo de orientar para que as determinações sejam respeitadas. “A ação é composta por uma equipe multidisciplinar, como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Apevisa. O comerciante que for pego desrespeitando, funcionando de maneira irregular terá o estabelecimento interditado. O momento é de conscientização para que evite sair e aglomerar”, disse o gerente. 

No bairro do Brejo, um depósito de bebidas foi fiscalizado e segundo a equipe do órgão de fiscalização, foi recomendada a comercialização de apenas água mineral, que é permitido nos finais de semana. 

Já em Nova Descoberta, uma barbaria foi autuado e teve que ser fechado. “Serviço de salão de beleza não pode funcionar, não é essencial. Foi constatada uma irregularidade e agora ele terá que se dirigir ao Procon para justificar e será decidido quando poderá retornar ao funcionamento”, declarou Cavalcanti. 

No bairro do Vasco da Gama, dois estabelecimentos foram fiscalizados. Uma loja de roupa foi fechada por estar aberta em horário proibido, e deverá ter o mesmo procedimento da barbearia. Já um mercadinho, foi notificado por não estar controlando a entrada dos consumidores. 

De acordo com  Pedro Cavalcanti, até a última sexta-feira 69 estabelecimentos haviam sido fiscalizados pelas equipes. “Ontem ainda não levantamos todos os números, são várias equipes divididas em turnos. Até sexta 4 locais haviam sido autuados e um interditado. Foi um número abaixo do esperado e é um sinal positivo de que as pessoas estão respeitando, esperamos que caia ainda mais, para encontrar os estabelecimentos fechados”, afirmou o gerente do Procon Pernambuco. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário