sábado, 13 de março de 2021

Fechamento Total em Pernambuco

 Segundo o site https://blogdomarciofelipe.blogspot.com: A coluna FalaPE apurou, ontem, com exclusividade, que o governador Paulo Câmara pode decretar lockdown em Pernambuco a partir da próxima quarta-feira, dia 17 de março. O anúncio seria feito pelo mandatário já nesta segunda (15).

O formato é o mesmo do ano passado: fechar tudo e restringir ao máximo a circulação de pessoas, mantendo aberto e funcionando apenas os serviços essenciais.

Caso opte pelo fechamento, o governador estará tomando uma decisão acertada; seguindo, inclusive, o exemplo de outros estados brasileiros como Ceará e São Paulo, por exemplo. Os números são estarrecedores. Ontem, Pernambuco completou um ano do primeiro caso de coronavírus registrado aqui. Na última semana epidemiológica, o Estado registrou uma aceleração acentuada da COVID-19 com forte escalada nos indicadores.

Esse crescimento da doença acarretou um total estrangulamento do sistema de saúde com a quase totalidade dos leitos de UTIs ocupados no interior. A abertura de novos leitos – 100 nos próximos dias – não parece ser suficiente para impedir o lockdown. No último boletim da Secretaria de Saúde de Pernambuco, já eram 313.227 casos confirmados, com 11.269 óbitos. Uma realidade muito triste.

A saída para amenizar esse quadro não é outra se não o fechamento do comércio, empresas, órgãos públicos; suspensão das aulas e outras medidas restritivas. O custo político é alto, mas o governador está tomando o caminho mais prudente. A população, contudo, precisa ajudar mantendo o distanciamento social, usando máscara e álcool em gel. O que é pouco feito. Até porque o governo sozinho não vencerá essa guerra. Precisa da ajuda dos pernambucanos.

SEM NOÇÃO – Nossos políticos, como sempre, craques em dar mal exemplo. Parece que o lockdown a ser decretado pelo governador não afetará Itamaracá. É que os sem noção do vice-prefeito George Baiá e do secretário municipal de Juventude, Paulo Batista, que, por sinal, é filho do prefeito, foram pegos pela Polícia Militar em uma festa. Não bastasse a irresponsabilidade, o dono da “festa de arromba” ainda é filho do comandante da Guarda Municipal de Itamaracá. Que bagaceira!

CONTRAMÃO – Na contramão do Governo do Estado e de praticamente todas as prefeituras pernambucanas, o gestor de São José do Belmonte, Romonilson Mariano, já avisou que no município administrado por ele não fechará nada. E o mais inusitado foi que ele fez o anúncio em um comentário na Live que o presidente Jair Bolsonaro fez ontem no Facebook. Eu não sei se o prefeito sabe, mas o decreto estadual de lockdown tem ascendência sobre as gestões municipais. Traduzindo: ele não apita em nada nesse caso.

ENTREGAS – A prefeita de Casinhas, Juliana de Chaparral, é uma danada mesmo. Em pouco tempo de governo, ela já está dando resultado. Juliana começou a fazer a entrega de novas geladeiras, fogões e mesas para equipar e qualificar o atendimento de todas as oito unidades de saúde do município. “Em cada ação da Prefeitura Municipal de Casinhas, meu coração se enche de gratidão a Deus pelas melhorias que estamos trazendo em benefício ao nosso povo”, comentou. Belo exemplo, prefeita!

MATERNIDADE – Outro prefeito que começou o mandato com todo gás foi Vinícius Labanca, de São Lourenço da Mata. Ontem, o gestor inaugurou a nova maternidade do Hospital e Maternidade Petronila Campos (HMPC). A unidade hospitalar passou por reformas estruturais depois de ser entregue pela antiga gestão em condições precárias de uso. A primeira parturiente do HMPC foi Polyanna Almeida, de 26 anos, que deu a luz à Ana Cecília. A criança dará nome ao novo setor de partos da unidade hospitalar.

O povo quer saber: vai ter lockdown em Pernambuco mesmo?

Por Fernanda Maria Negromonte, Cientista Política com ênfase em Relações Internacionais pela UFPE, membro da Equipe FalaPE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário