Header Ads Widget

header ads

Produtos natalinos ficam até 10% mais caros

 Segundo o site https://www.linkedin.com: Um estudo da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aponta que o brasileiro deve pagar cerca de 10% a mais pela cesta de produtos característicos do Natal em 2020.   


O estudo analisou o patamar de preços de uma cesta composta pelos 214 itens mais consumidos nessa época do ano, agrupados em 30 categorias de bens e serviços. Ainda segundo dados da CNC, a data deve movimentar R$ 38,1 bilhões neste ano e gerar 70,2 mil vagas temporárias, o que significa uma queda de 20% em relação a 2019.                                                                                                                                         

Será um Natal mais difícil, em todos os aspectos, esse ano para as vendas. Desemprego alto, queda na renda familiar e dólar caro, farão o consumo se retrair. Até o número de vagas de trabalhadores temporários, típico da época do ano, deverá ser afetado para baixo.

#natal #consumo #varejo #desemprego #dolar #renda
Produtos natalinos têm alta média de quase 10%. Data mais importante para o varejo deve movimentar R$ 38,1 bilhões neste ano, segundo artigo do site InfoMoney: https://lnkd.in/e8rv3Qj

#natal #economia #alta #precos #seguro #inflacao #dolar #festas
Ative o link para visualizar imagem maior.

  

Postar um comentário

0 Comentários