domingo, 8 de novembro de 2020

Com ajuda do auxílio emergencial, pessoas investem em pequenos negócios para fazer o dinheiro render na pandemia

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: De acordo com o Sebrae, mais de 1,4 milhão de registros de microempreendedor individual foram feitos no estado entre janeiro e setembro deste ano.


As economias foram suficientes para que Andreia comprasse produtos e voltasse a vender sanduíche natural, suco e salada de fruta perto de casa, na Praça do Hipódromo, no Recife. “Estou muito feliz e satisfeita. Esse  meu retorno foi gratificante e está sendo muito produtivo”, disse.

De acordo com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas             do Estado de Pernambuco (Sebrae-PE), mais de 1,4 milhão de                     registros de microempreendedor individual (MEI) foram feitos entre              janeiro e setembro de 2020. Segundo o coordenador do Sebrae-PE,              Leonardo Carolino,esse aumento é positivo, mas ainda é preciso ter         cautela.

“Nós tivemos                    um  aumento de aproximadamente 16% no número de formalizações,           comparando a 2019. Então, qualquer aumento a gente comemora.                    O momento ainda é de crise, mas é uma alternativa de renda para                    as  pessoas saírem para empreender e não ficarem na mesma”,                   declarou.

Cleiton Cavalcanti é outro empreendedor que contou com o Auxílio           Emergencial para complementar os custos do seu negócio. Ele ficou             sem trabalho durante a pandemia e decidiu, junto com amigos,                   investir em cestas de café da manhã.

“As vendas estão                crescendo, e a tendência é aumentar no fim de ano com boxes             corporativas, de Natal e de fim de ano. Então, a tendência é                     realmente que cresça, e o Auxílio Emergencial, apesar de ser um                     valor bem menos do que a gente precisa, vem realmente ajudando                 nos custos mensais”, contou.


Nenhum comentário:

Postar um comentário