quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Mendonça Filho promete congelar valores do IPTU e da taxa de coleta de lixo até 2022, no Recife

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Nesta quarta-feira (14), o candidato à prefeitura da capital pelo DEM apresentou seu programa de governo durante coletiva de imprensa no Pina, Zona Sul.

O candidato à prefeitura do Recife pelo DEM, Mendonça Filho, afirmou que, se for eleito, vai congelar o     valor do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e da Taxa de Coleta, Remoção e  Destinação de Resíduos Sólidos Domiciliares (TRSD), conhecida como "taxa do lixo", por dois anos .

Nesta quarta (14), ele e a candidata vice prefeita, Priscila Krause,               apresentaram o programa de governo, durante coletiva de imprensa,                no Pina, na Zona Sul.

De acordo com o candidato, o congelamento de impostos, a suspensão            de reavaliações tributárias imobiliárias e a revisão da legislação                     tributária  vão causar uma redução de 6,25% no valor real pago do                   IPTU e da "taxa de lixo". Segundo ele, isso representa 3,14%, em 2021,            e 3,02%, em 2022.

"O recifense é quem mais paga impostos taxas e multas no Norte e            Nordeste do Brasil. A gente vai revisar tudo e acabar com essa farra            tributária, congelando por dois anos a correção e o aumento do IPTU                   e da 'taxa de lixo'", disse.

O candidato explicou os benefícios da renúncia fiscal que promete             colocar em prática se for eleito. "Vamos promover uma justiça tributária,          tanto para pessoas físicas, residências, quanto para o comércio e                serviços, incentivando cada vez mais a geração de postos de trabalho.               A lógica é menos impostos e mais empregos dentro da cidade do                  Recife". Segundo a pesquisa Datafolha, divulgada na quinta-feira (8),                 Mendonça Filho aparece em terceiro lugar na disputa para a prefeitura             da capital,com 16% das intenções de voto. A pesquisa tem margem de          erro de três  pontos percentuais para mais ou para menos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário