domingo, 4 de outubro de 2020

Bares com aglomeração de clientes e público dançando são notificados pelo Procon na Zona Sul do Recife

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Segundo instituição, locais também funcionavam após a meia-noite, desrespeitando protocolo de reabertura do setor. Estabelecimentos têm dez dias para apresentar defesa.


Quatro bares e restaurantes da Zona Sul do Recife foram notificados pelo Procon de Pernambuco, neste    sábado (3). Segundo a instituição, os estabelecimentos tinham clientes aglomerados e consumindo bebidas         e alimentos em pé, o que não é permitido pelo protocolo para estabelecimentos do setor, pelo Plano de Convivência com a Covid-19.

Em um dos estabelecimentos, o Procon afirmou ter encontrado pessoas circulando sem máscara, apresentação de músicos ao vivo e pista de         dança lotada (veja vídeo acima). De acordo com o protocolo do setor,                   a música ao vivo é permitida, mas os clientes precisam estar          sentados. Em outro local, a instituição encontrou clientes                     consumindo alimentos e bebidas em pé na área interna. Os dois                 locais têm dez dias para apresentar defesa.


Coronavírus em Pernambuco

Neste sábado (3), foram confirmados mais 612 casos e 19 óbitos                   por Covid-19 no estado. Com isso, Pernambuco passou a                                    ter 149.349 casos confirmados e 8.318 mortes de pessoas                              infectadas com o novo coronavírus. Os números são contabilizados              desde março.

Outros dois estabelecimentos estavam funcionando depois da                               meia-noite, horário em que o atendimento deve ser encerrado.                        Em caso de reincidência, os locais podem ser multados pelo Procon.

Em caso de constatação de irregularidade, o consumidor pode                     denunciar o estabelecimento por meio do envio de fotos e vídeos                           para o WhatsApp do Procon-PE, no número (81) 3181-7000.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário