terça-feira, 14 de abril de 2020

Desvio de merendas escolares chega a R$ 22 milhões; três servidores públicos foram presos

Segundo o site https://contilnetnoticias.com.brSegundo delegado, as merendas eram de baixa qualidade e algumas nem chegavam às escolas; desvio chega a RS 22 milhõesNa manhã desta quinta-feira (9) o delegado geral de Polícia Civil, Henrique Maciel, e o secretário de Segurança Pública, Paulo César, concederam entrevista coletiva para falar da ‘Operação Mitocôndria’, que ocorreu nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (9) em parceria com a Delegacia de Combate à corrupção  (Decor), Departamento de Inteligência (DI), e a Controladoria Geral do Estado (CGE), onde foram cumpridos , sete mandados de prisão temporária, 20 mandados de busca e apreensão nas sedes de 4 empresas na capital, Tarauacá e Xapuri, além dos armazéns de merenda escolar da SEE, em Rio Branco, Tarauacá, Sena Madureira e Cruzeiro do Sul.
Foram apreendidos computadores, celulares e cinco veículos: uma Amarok, um HB20 e um Chevrolet Tracker. Segundo o coronel Paulo César, essa investigação é um pedido do governador Gladson Cameli (Progressistas) que determinou apuração em crimes de corrupção no Estado. “Pau que bate em Chico, bate em Francisco, essa operação não tem caráter político, partidário e ideológico. Ela tem o aval do Ministério Público e do poder Judiciário, temos transparência nos fatos”, destacou.                                                                                      O delegado Henrique Maciel disse que a operação foi feita em vários municípios do estado. “As irregularidades ocorriam na entrega e na qualidade da comida servida. Foi feito laudo técnico nessa questão. A Polícia Civil já realizou o bloqueio das contas e dos bens dos investigados”, declarou.
Na operação, foram presos três servidores públicos que atuavam nos depósitos da Secretaria de Educação. “Uns atuavam na qualidade inferior, já outros que nem entregava nas escolas”, disse o delegado Alcino Júnior que coordenou a operação. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário