quinta-feira, 9 de janeiro de 2020

Operação da Polícia Civil descobre que PCC montou mansões de apoio para Marcola no DF

Segundo o site adrianoroberto.blog.br:   A Polícia Civil do Distrito Federal, realizou nesta terça-feira (7) uma megaoperação para desarticular grupos ligados ao PCC (Primeiro Comando da Capital).Operação da Polícia Civil descobre que PCC montou mansões de apoio para Marcola no DFNa operação batizada de Guardiã 61, foram apreendidos pistolas, anabolizantes, celulares e documentos em endereços vinculados ao grupo. Segundo a polícia, depois da transferência do líder do PCC, Marcola, para o presídio federal da Papuda em Brasília, várias casas de apoio foram montadas com o intuito de guardar drogas e armas para a facção.
A investigação diz que o PCC conseguiu organizar esses locais com a ajuda de advogados e que além de drogas e armas as casas também serviam para receber membros da facção que vinham de outras localidades.
A Divisão de Repressão a Facções Criminosas (Difac) identificou a presença de três advogados do DF como componentes do grupo criminoso. Dois deles foram alvo de mandados de busca e apreensão.
Na residência de um dos advogados foram encontrados documentos contendo a identificação de cada membro do PCC. Ao todo foram expedidos mandados de prisão e busca e apreensão para mais de 30 pessoas. Com Informacões do Blog da Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário