segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Após briga com três feridos, presídio tem confusão com morte e suspende visitas no Recife

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambucoPresídio Frei Damião de Bozzano teve dois registros de conflito no sábado (25), com cinco feridos ao todo. Segundo Seres, ações de segurança são realizadas neste domingo (26).Após registro de brigas entre detentos, revistas são realizadas no Presídio Frei Damião de Bozzano — Foto: Reprodução/WhatsAppApós registro de brigas entre detentos, revistas são realizadas no Presídio Frei Damião de Bozzano — Foto: Reprodução/WhatsApp
Após uma confusão deixar três detentos feridos, uma segunda briga deixou um preso morto e mais dois feridos no Presídio Frei Damião de Bozzano (PFDB), no Complexo Prisional do Curado, na Zona Oeste do Recife, no sábado (25). A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) informou que as visitas foram suspensas neste domingo (26).
O Sindicato dos Policiais Penais de Pernambuco (Sinpolpen-PE) afirmou que as confusões foram registradas pela manhã, sem óbitos, e pela tarde, quando ocorreu a morte do preso identificado como Jonh Lenon de Brito da Silva, de 29 anos. O motivo e circunstância da morte não foram divulgados.
Em nota, a Seres afirmou que, embora a unidade prisional esteja controlada, diligências e ações de segurança foram iniciadas dentro da unidade neste domingo. As visitas foram suspensas por medida de segurança preservando a integridade física de visitantes e servidores, afirmou ainda.
Ao todo, nas duas ocorrências, foram cinco detentos feridos e socorridos para o Hospital Otávio de Freitas (HOF), no bairro de Tejipió. Neste domingo (26), dois dos feridos permaneciam na unidade, enquanto os outros tiveram alta.
Na primeira briga, um detento foi até a permanência portando um revólver calibre 38, com duas munições deflagradas, e afirmou que havia sido agredido no rosto por outro preso, segundo o Sinpolpen. Por isso, segundo o relato, ele teria atirado e baleado o homem. Em seguida, outros dois presos compareceram ao local feridos por bala, sendo um no quadril e outro no braço. Os três foram socorridos.                                                                                            O motivo da segunda briga, que resultou em um morto e mais dois feridos, não foi divulgado. A Seres informou que foram acionados a Polícia Civil e o Batalhão de Choque após o registro do assassinato.
A Seres afirmou, ainda, que iniciou os trabalhos para averiguar "as circunstâncias em que o fato ocorreu". A secretaria afirmou, também, que todos os envolvidos foram conduzidos à delegacia para providências cabíveis e submetidos ao Conselho Disciplinar da unidade prisional.

Crimes em unidades prisionaisPistola, revólver, munições, celulares e drogas foram encontradas no Presídio Frei Damião de Bozzano, no Recife, em 2019 — Foto: Seres/DivulgaçãoPistola, revólver, munições, celulares e drogas foram encontradas no Presídio Frei Damião de Bozzano, no Recife, em 2019 — Foto: Seres/Divulgação

No dia 16 de janeiro, uma pistola e dois carregadores foram apreendidos durante uma revista no mesmo presídio. Na ocasião, os agentes penitenciários localizaram também 84 munições de calibre 45.
De acordo com a Seres, em 2019, houve uma redução de 33% no número de crimes violentos que resultaram em mortes nas unidades prisionais pernambucanas, no comparativo com 2018. Nas 23 unidades, foram registrados dez assassinatos, no ano passado. Em 2018, ao estado notificou 15 casos.
Em 1º de janeiro de 2019, havia 31.821 presos em todo o estado. No dia 31 de dezembro do mesmo ano, o número subiu para 33.330, o que representa um aumento de 4,7%, ou seja, de 1.509 pessoas.
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário