sexta-feira, 22 de novembro de 2019

'Olha a selfie': passageiros se jogam no piso de ônibus para se proteger de confusão e tiram foto

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambucoSegundo o autor da selfie, tumulto teve disparos de arma de fogo, na PE-15, em Olinda. Polícia afirma que integrantes de torcida organizada fizeram arrastão no local.Passageiros se jogaram no chão de ônibus e tiraram selfie durante confusão em Olinda — Foto: Reprodução/WhatsAppPassageiros se jogaram no piso de um ônibus para se proteger de uma confusão que acontecia na rodovia PE-15, em Olinda. No momento do tumulto, na noite de quarta-feira (20), um deles tirou uma selfie e publicou nas redes sociais, ironizando a situação de insegurança que viveram. "Gritei 'olha a selfie' e registrei", afirmou o autor da foto, o balconista Gibson Johnny Pereira, de 24 anos.
Gibson contou que voltava para casa no momento em que foi surpreendido pela confusão. Segundo ele, todos os que estavam no coletivo, que fazia a linha 1907 - Paulista/Rio Doce (via Bultrins), se jogaram no piso ao ouvir disparos de arma de fogo.                                                                                                                        "Do lado do ônibus em que estávamos, havia homens correndo com facas e pedras. Foi por volta das 20h. A gente ficou com muito medo e, quando ouvimos tiros, todo mundo se jogou no chão. Foi aí que eu, ao ver todo mundo deitado, resolvi registrar", afirmou o balconista.                                                                        Um vídeo enviado por Gibson ao G1 registrou a confusão na PE-15. É possível ver, nas imagens, homens no meio da pista, atirando objetos, e ouvir disparos. Apesar do susto, na selfie, todos aparecem sorrindo.
Segundo Gibson, ele conhecia apenas uma das pessoas que aparecem na selfie. As outras, que ele conheceu no local, viraram companheiras de um momento difícil.                                                                                                            
"Só tinha um amigo meu lá. O resto era o pessoal que estava no ônibus. Mesmo assim, disseram 'registra, registra'", disse ele.
Por meio de nota, a Polícia Militar informou que equipes do primeiro batalhão foram informadas que "possíveis componentes de torcida organizada estariam realizando arrastão no local".
Depois da denúncia, os policiais foram até o local e contiveram os envolvidos na confusão. Ninguém precisou ser detido, de acordo com a corporação.
A corporação não confirmou a informação de que houve tiros disparados pelos envolvidos na confusão. Ainda segundo Gibson Johnny, a sensação é de insegurança, na PE-15.
"Moro em Paulista [Grande Recife] e preciso passar por lá. De vez em quando tem confusões e casos como esse", declarou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário