quinta-feira, 7 de novembro de 2019

'Madame do crime' é absolvida e pode ficar solta no interior de SP

Segundo o site https://noticias.r7.comJulgamento de Maria Angélica Macedo da Silva aconteceu na última terça-feira (5). Ela era acusada de planejar e executar furtos a várias casas de São CarlosMadame do crime é absolvida e pode ficar solta

Madame do crime é absolvida e pode ficar solta

Reprodução/Redes Sociais
Maria Angélica Macedo da Silva, a 'Madame do crime', que havia sido presa por planejar e executar furtos a várias casas de São Carlos, no interior de São Paulo, foi absolvida das acusações de receptação e pode ficar solta. O julgamento aconteceu na última terça-feira (5).
A jovem foi acusada de participar de um roubo a uma casa no bairro Santa Felícia, em novembro de 2017. A acusação veio depois que a polícia encontrou jóias e garrafas de bebidas que haviam sido roubadas da residência. Porém, o juiz considerou a denúncia improcedente, visto que, na época, Maria Angélica já estava presa.
A 'madame do crime' já foi condenada por dois furtos à residência e, de acordo com a polícia, teria envolvimento em outros 15 crimes desse tipo. A jovem agia escolhendo as casas que seriam assaltadas, alugando os carros que seriam usados nos crimes e chamando outras pessoas para realizar os furtos dos produtos, que depois eram vendidos na internet.
Leia também: Suspeito morre após suposta troca de tiros com policiais no Rodoanel                                                                                                                  Em janeiro de 2018, Maria Angélica foi condenada a nove meses de prisão em regime semiaberto, mas voltou ao regime fechado por mau comportamento na penitenciária feminina de Guariba. Depois, a jovem foi condenada por mais um furto, do qual cumpriu 10 meses de reclusão. 
Maria Angélica foi solta em maio deste ano para cumprir o restante da pena, de dois anos e quatro meses, em regime aberto. Na época de sua primeira prisão, a mulher morava em um condomínio de luxo com sua família. Seus pais chegaram a se negaram a pagar um advogado e lamentaram o caminho crimonoso que a filha trilhava.
Em declaração, familiares afirmaram que Maria Angelica sempre foi introspectiva, rebelde e deslumbrada com o dinheiro, e que durante a infância e a adolescência teve vários problemas nas escolas onde estudou.        

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Texas Ranch Bar anima noite do Recife Antigo

Segundo o site Assessoria de Imprensa  Patrícia França:  Para os amantes do Recife Antigo, o Texas Ranch Bar preparou uma programação que pr...