domingo, 17 de novembro de 2019

Criança de cinco anos e mulher grávida estão entre os mortos do acidente em Boa Vista do Buricá

Segundo o site https://gauchazh.clicrbs.com.brFamília voltava de festa de aniversário da irmã mais nova de Joenara Künippe, 31 anos, uma das vítimasPolícia Rodoviária Federal / DivulgaçãoNo Cruze que colidiu contra uma S10, em Boa Vista do Buricá, na madrugada deste domingo (17), estava uma família radiante, à espera do segundo filho. Joenara Künippe, 31 anos, tinha descoberto a gestação na semana anterior e aproveitou o feriadão da Proclamação da República para comemorar a boa nova em Três de Maio.                                                                                                                                    oenara, o marido Rodrigo Cesar de Barros Padilha, 32 anos, e o filho de cinco anos do casal, estavam na festa de 30 anos da irmã mais nova dela. De madrugada, quando se deslocavam para a casa da mãe de Joenara, na vizinha Boa Vista do Buricá, aconteceu a colisão frontal com a S10 dirigida por José Orlando Gontijo Tavares, de 74 anos, no km 115 da BR-472. Os quatro morreram.                                                        Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF),  houve tentativa de salvamento de duas da vítimas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas elas morreram a caminho do hospital.  As causas do acidente ainda são desconhecidas.  
Joenara, o marido e o filho moravam em Cachoeira do Sul, na Região Central, distante 450 quilômetros de Boa Vista do Buricá, no noroeste do Estado. Ela tinha uma clínica de estética e ele era gerente de uma empresa do setor de agronegócio. 

O cunhado de Joenara, Márcio André Rosa da Silva, 32 anos, contou que os três deveriam pegar a estrada novamente neste domingo (17) cedo, rumo a Três Passos, para visitar os pais de Rodrigo. O velório e o sepultamento ainda não têm horário definido, mas devem ocorrer em Três de Maio.

— Estávamos todos muito felizes na festa da minha esposa. Tínhamos passado o dia comemorando o aniversário da minha esposa. Era uma festa à fantasia. Agora, estamos destruídos — lamenta Silva.

    

Nenhum comentário:

Postar um comentário