terça-feira, 7 de maio de 2019

Jovem adormece escutando música com fones e acorda “surdo” de um ouvido

Segundo o site https://www.topmidianews.com.br: Médico faz um alerta para as pessoas que tem a prática de dormir escutando música nos fones, a surdez pode durar alguns dias ou ser permanente
A popularidade dos fones de ouvido disparou em concomitância aos smartphones, com pessoas utilizando-o em muitas situações, seja para ouvir música, atender ligações ou até mesmo estudar. No entanto, para quem dorme com o acessório nos ouvidos, como no caso de um adolescente em Taiwan, vem como um alerta, reforçando ainda mais os avisos que os médicos sempre deram.
O Departamento de Otorrinolaringologia do Asia University Hospital, em Taiwan, reportou recentemente sobre o caso de um adolescente que adormeceu enquanto ouvia música com fones e acordou completamente surdo de um ouvido.
Segundo o Dr. Tian Huiji, diretor do Departamento de Otorrinolaringologia do hospital e que atendeu o caso, um aluno do segundo colegial apareceu no hospital reclamando de surdez em um dos ouvidos. Ele disse aos médicos que tinha o hábito de colocar fones para ouvir música antes de ir dormir. Mas, na noite anterior à sua surdez repentina, havia adormecido com os fones de ouvido ligados.
Um dos fones teria caído enquanto dormia, de modo que a surdez só afetou um dos ouvidos. De acordo com o médico, o adolescente se recuperou gradualmente após ficar hospitalizado por cinco dias, mas aconselhou as pessoas com sintomas semelhantes a procurar ajuda médica o mais rápido possível para evitar danos permanentes. Dr. Huiji explicou que, embora algumas pessoas usem fones de ouvido por horas e praticamente todos os dias sem experimentar surdez súbita, fazê-lo enquanto dorme é muito mais perigoso.
Isto é, quando adormecemos, a circulação sanguínea em nosso corpo fica mais lenta, então, enquanto as células ciliadas de nossos ouvidos ainda são estimuladas pelos sons que saem dos fones, o corpo não pode fornecer sangue suficiente para elas, o que pode resultar em surdez súbita, que dura alguns dias, ou ser totalmente permanente. O médico explicou ainda que os fones são particularmente perigosos porque não permitem que o som saia dos ouvidos. Logo, os modelos auriculares e headphones são escolhas mais seguras, uma vez que permitem que alguns dos sons se dissipem, mas também é importante que o volume não esteja tão alto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prometida por Bolsonaro, dessalinização já dava água a milhares no Nordeste

Segundo o site https://www.viparaguaia.com: Ao longo de 30 anos foram instalados de 3.500 a 4.000 dessalinizadores. S ão 6h, e os morado...