segunda-feira, 18 de março de 2019

Classe C volta a crescer no Brasil; preço do asfalto pode elevar pedágios federais e outras notícias

Segundo o site https://www.linkedin.comClasse C volta a crescer no Brasil. Uma pesquisa do Instituto Locomotiva apontou que a fatia da “nova classe média” subiu de 50% para 51% da população brasileira entre 2017 e 2018, após cair bruscamente nos dois anos anteriores.
 O aumento representa o ingresso de mais de 2 milhões de brasileiros nessa faixa socioeconômica. O levantamento aponta que as famílias da classe C estão otimistas com o futuro e pretendem voltar a adquirir produtos de maior valor agregado, como materiais de construção eletrodomésticos. Segundo o estudo, a nova classe média está trocando o "gasto por ostentação" por um estilo de consumo mais consciente e viu sua renda crescer cerca de 0,9% em relação a 2017. • Veja o que as pessoas estão dizendo sobre o assunto.

Preço do asfalto pode elevar pedágios federais. Para aliviar as perdas bilionárias que as concessionárias de rodovias sofreram com a alta desenfreada do asfalto, o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, avalia com a Agência Nacional de Transportes Terrestres e o TCU colocar em prática a medida. Por conta do preço do petróleo, o asfalto subiu acima da inflação. Isso gerou um impacto de cerca de R$ 5 bi, tanto para o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, responsável pelas estradas federais mantidas pelo governo, quanto para as concessionárias. Ainda não se sabe se o pedágio subirá na mesma proporção do aumento de custo. • Veja o que as pessoas estão dizendo sobre o assunto.
Multinacionais emprestam R$ 120 bi às filiais brasileiras. Em 2018, o dinheiro que veio de fora para ajudar as empresas quintuplicou: foi de US$ 6,2 bilhões, em 2017, para US$ 32,3 bilhões. As dificuldades enfrentadas pela economia brasileira – especialmente pela indústria e o setor de serviços, com a lenta recuperação da economia nacional e a demanda interna reprimida – explicam por que as filiais tiveram tanto de se valer do chamado empréstimo intercompanhia. • Veja o que as pessoas estão dizendo sobre o assunto.
Bolsonaro chega ao EUA para encontro com Trump. O presidente chegou ao país norte-americano e participou de jantar com pensadores da direita, como Olavo de Carvalho e Steve Bannon, em Washington. No breve discurso, afirmou que o “antigo comunismo não pode mais imperar neste nosso ambiente que nós vivenciamos”. O principal orador da noite, no entanto, foi o Ministro da Economia, Paulo Guedes. Segundo relatos, a questão mercadológica chinesa tomou tanto ou mais tempo que novos acordos internacionais almejados pelo governo brasileiro. Bolsonaro tem reuniões hoje com o ex-secretário do Tesouro norte-americano Henry "Hank" Paulson e participa de cerimônia de assinatura de atos. • Veja o que as pessoas estão dizendo sobre o assunto.
Livraria Saraiva fecha mais três lojas. A rede encerrou as operações de uma unidade em Copacabana, no Rio de Janeiro, e outra na Rua São Bento, em São Paulo — além de anunciar que sua loja no Shopping Higienópolis, na capital paulistana, também fechará as portas até o fim de março. Em outubro do ano passado, a empresa anunciou que estava fechando 20 unidades e entrou com um pedido de recuperação judicial um mês depois. Na esteira da crise das grandes livrarias, a Saraiva registrou um prejuízo de R$ 10,6 mi em janeiro deste ano. • Veja o que as pessoas estão dizendo sobre o assunto.
Ideia do dia: se você sente que foi mal na entrevista de emprego, não vale a pena se martirizar. Taís Targa, consultora em recolocação profissional, afirma que experiências negativas sempre podem servir como aprendizado e melhorar o seu desempenho em futuros processos seletivos:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Governo estuda liberar até 35% do FGTS; desmatamento é prejudicial ao agronegócio e outras notícias

Segundo site  Boletim Diário do LinkedIn :  Governo estuda liberar até 35% do FGTS. Junto com a liberação dos recursos do FGTS, haverá ...