segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Protesto contra possível aumento de passagem de ônibus fecha via no Centro do Recife

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco:
Manifestação ocorreu um dia antes da reunião marcada para definir o percentual de reajuste do transporte público.
Um protesto contra um possível aumento do valor das passagens de ônibus no Grande Recife bloqueou a Avenida Guararapes, na área central da capital pernambucana, nesta segunda-feira (11). Os manifestantes impediram a circulação de carros e ônibus em um dos principais corredores de transporte público da região. (Veja vídeo acima)
Os manifestantes começaram a se reunir na frente da sede dos Correios, por volta das 11h. Cerca de 20 pessoas participaram da mobilização, exibindo faixas e cartazes. O protesto foi encerrado por volta das 12h50, de acordo com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU). A manifestação desta segunda (11) ocorreu um dia antes de uma reunião marcada para discutir o reajuste das tarifas de transporte público no Grande Recife. Segundo os organizadores, a ação defendeu a suspensão do aumento e a redução da passagem para R$ 2,90, de acordo com os valores do Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA), de 2015 a 2018, baseado no Manual de Operação do sistema. No dia 24 de janeiro, o grupo realizou outra manifestação na área. O governo propõe um aumento de 7,07% no valor da passagem. Se esse reajuste for aprovado, o Anel A passa de R$ 3,20 para R$ 3,45; o Anel B de R$ 4,40 para R$ 4,70 e o Anel G de R$ 2,10 para R$ 2,25, além de ser extinto o Anel D, com suas quatro linhas passando a integrar o Anel A.                                                                                                 O Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) apresentou uma proposta de reajuste de 16,18% na tarifa de ônibus na Região Metropolitana do Recife para o ano de 2019. Caso seja aprovada, a passagem do Anel A sobe de R$ 3,20 para R$ 3,70.
Liminar
Em janeiro deste ano, a Justiça de Pernambuco concedeu uma liminar suspendendo a aplicação de reajuste das tarifas de ônibus no Recife e na Região Metropolitana. A medida foi tomada dias antes da reunião que estava marcada para definir o percentual.
Na decisão, o juiz Djalma Andrelino, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Pernambuco, reconheceu a necessidade de aprofundamento de estudos técnicos antes da discussão do Conselho.
A decisão foi baseada em uma ação popular ajuizada contra a Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Estado de Pernambuco (Arpe), o CSTM e no Consórcio de Transportes da Região Metropolitana do Recife.
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Além de Jucazinho, adutora de Geo Caldas pode contemplar a barragem do Prata

Segundo o site https://www.aguasdorioamazonasparaonordeste.com: Conhecer os problemas da sociedade e apresentar soluções para estes, real fu...