Cúmplice de homem preso ao negociar venda de bazuca é detido no Recife, diz polícia

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Dupla roubou R$ 35 mil de capitão da Polícia Militar em 2016, segundo a Polícia Civil. Foram apreendidas uma pistola .380, quinze munições e uma touca balaclava usada nos assaltos.Armas e objetos roubados foram apreendidos com homem preso no Recife (Foto: Polícia Civil/Divulgação)Armas e objetos roubados foram apreendidos com homem preso no Recife (Foto: Polícia Civil/Divulgação)
Um homem de 28 anos foi preso nesta quarta (8), na comunidade de Córrego da Areia, no bairro de Nova Descoberta, na Zona Norte do Recife, suspeito de crimes como roubos e homicídios. Segundo a Polícia Civil, Cleiton Keliton da Silva Guedes teria atuado em um dos roubos com um dos homens presos por negociar uma bazuca em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana, na segunda (6).
“Recebemos informações de que ele participou de um roubo a banco em São Bento do Una [no Agreste], além de um roubo com o comparsa que foi preso com uma bazuca recentemente. Em 2016, eles roubaram R$ 35 mil de um capitão da PM”, disse o delegado Diogo Bem, referindo-se ao assalto realizado com Charles Francisco Dantas Júnior, preso negociando uma bazuca no Grande Recife.
Responsável pelas investigações, o delegado titular da Delegacia da Macaxeira informou também que o homem preso tinha "um amplo histórico de passagens pela polícia", incluindo duas prisões por roubo, duas por tráfico de drogas e um caso de latrocínio, que é o roubo seguido de morte.                                                    
“É um indivíduo de alta periculosidade. Ele disse que, se estivesse armado, teria reagido, porque estávamos em viaturas descaracterizadas durante sua prisão e ele, ao desconfiar, pensou que era alguém que tentaria matá-lo”, afirmou o delegado.
Com Cleiton Keliton, foram apreendidas uma pistola .380 com quinze munições intactas, uma réplica de pistola e uma touca balaclava utilizada durante os assaltos. Também foram encontrados cinco celulares, dez relógios e uma balança de precisão, além de uma televisão que ele confessou ter roubado.
“O roubo é uma constância na vida dele. Para o perfil da comunidade onde mora, a vida dele é considerada de luxo. A casa é bastante confortável, com TVs em todos os cômodos. Ele confessou os crimes de porte ilegal de arma de fogo, falsidade de documentos públicos, receptação e falsificação de sinal público, que foram os delitos pelos quais foi preso em flagrante”, explicou o delegado.
Cleiton Keliton foi encaminhado ao Centro de Observação e Triagem Professor Everaldo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.
  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim