Polícia deflagra ação contra organização envolvida em homicídios, tráfico e venda de armas em PE

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Operação Intramuros cumpre 17 mandados de prisão e 13 de busca e apreensão no Recife, Carpina e Paudalho, na Zona da Mata Norte.Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri) fica no Recife (Foto: Mônica Silveira/TV Globo)Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri) fica no Recife (Foto: Mônica Silveira/TV Globo)
A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na manhã desta quinta-feira (14), uma ação contra pessoas envolvidas com homicídios, tráfico de drogas e comércio de armas e munição. A Operação Intramuros cumpriu 17 mandados de prisão preventiva e 13 de busca e apreensão domiciliar, no Recife e nos municípios de Carpina e Paudalho, na Zona da Mata Norte.
Os mandados, segundo a polícia, foram expedidos pela Comarca de Carpina. O objetivo da ação foi prender integrantes de uma organização criminosa que estava sendo investigada desde novembro de 2017. O nome da operação diz respeito a lideranças autuadas em presídios e Pernambuco.
Do total de mandados de prisão, 10 foram cumpridos contra pessoas que já estavam em unidades prisionais. Entre os alvos soltos, oito capturas ocorreram em Carpina, uma no Recife e uma em Paudalho. A Intramuros é a 22ª operação de repressão qualificada deste ano.
De acordo com o chefe da Polícia Civil, delegado Joselito do Amaral, durante a ação, foram apreendidas armas, cocaína e maconha. "Vamos divulgar esses dados depois de consolidar as informações", afirmou.
Segundo ele, a organização tinha grande participação no tráfico de drogas e venda de armas no Recife e Região Metropolitana. "Os homicídios estavam relacionados ao comércio de entorpecentes", acrescentou.
Participaram da operação 80 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães, além de uma equipe de resgate com quatro bombeiros.
A Operação foi coordenada pela diretoria de polícia do interior e supervisionada pela chefia da corporação. Também houve apoio da Secretaria-Executiva de Ressocialização (Seres), que cuida das unidades prisionais.
Os presos e o material apreendido foram levados para o Deaprtamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), em Afogados, na Zona Oeste do Recife.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim