segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

'Super-heróis' da Liga do Bem transformam o Natal de centenas de crianças no Sertão de Pernambuco

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/petrolina: Os voluntários da Liga do Bem saíram do Mato Grosso do Sul para levar mais alegria para as crianças do distrito de Izacolândia, no interior de Petrolina.A Liga do Bem dançou e distribuiu mais de 3 mil brinquedos para as crianças de Izacolândia (Foto: Clédiston Anselmo / TV Grande Rio)dia de Natal foi inesquecível para as crianças do distrito de Izacolândia, na zona Rural de Petrolina, Sertão de Pernambuco. A alegria dos meninos e menias petrolinenses foi garantida por uma turma que veio de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. Vestidos com roupas de super-heróis, fadas, princesas, personagens do cinema e de histórias em quadrinhos, os integrantes da Liga do Bem distribuíram presentes e fizeram a festa da garotada.
Criada há quatro anos, a Liga do Bem é um projeto sem fins lucrativos que realiza trabalhos voluntários em Campo Grande. Essa foi a primeira ação do grupo longe do Mato Grosso do Sul. O distrito de Izacolândia recebeu os personagens que as crianças da comunidade estavam acostumadas a ver somente nos desenhos animados.Os voluntários da Liga do Bem saíram do Mato Grosso do Sul para levar mais alegria para as crianças do interior de Petrolina (Foto: Reprodução / TV Grande Rio)Os voluntários da Liga do Bem saíram do Mato Grosso do Sul para levar mais alegria para as crianças do interior de Petrolina (Foto: Reprodução / TV Grande Rio)
Nesta segunda-feira (25), o grupo entregou mais de 3 mil brinquedos. Durante a visita, os sorrisos do Batman, Superman, da Mulher Maravilha e dos outros integrantes da Liga se misturaram aos das crianças de Izacolândia. O Natal de 2017 foi especial para cada um deles.
“Esse é o preço que a gente recebe, não é dinheiro. A gente tem uma energia muito bacana, um abraço apertado dessas crianças que a gente veio de longe conhecer. Isso é muito satisfatório. A gente sai daqui recarregado. Isso não tem preço”, disse o Batman. No dia a dia em Campo Grande, os integrantes da Liga do Bem são empresários, profissionais liberais e servidores públicos. Assim como os personagens da ficção, eles preferem manter o anonimato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário