quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Prefeitura de Surubim emite Boletim do Covid19 Atualizado

  Segundo o site Assessoria de Imprensa Prefeitura de Surubim PE: Todas as informações oficiais você encontra nas redes de comunicação da Prefeitura.









*MPPE e PMPE realizam busca e apreensão na Câmara de Vereadores de Sanharó; presidente foi afastado do cargo

 Segundo o site TV MPPE <imprensa.mppe@gmail.com:  O Grupo de Atuação Especializada de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público de Pernambuco (Gaeco/MPPE) e a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), através do 1° Batalhão Integrado Especializado (1° BIEsp) estão cumprindo, desde o início da manhã desta quarta-feira (30), seis mandados de busca e apreensão nas cidades de Sanharó, Poção e Pesqueira, no Agreste do Estado.

Os alvos incluem a sede da Câmara de Vereadores de Sanharó e membros e servidores do Poder Legislativo acusados de realizar contratações fraudulentas por meio de dispensa de licitação.

Segundo as investigações, o presidente da Câmara de Vereadores e um assessor direto fracionaram contratações abaixo do valor limite para a realização de licitação a fim de contratar três pessoas da mesma família para o serviço de alimentação do portal da transparência do Legislativo municipal.

A Justiça acolheu pedido do MPPE e decretou o afastamento do presidente da Câmara e do assessor de seus cargos. Eles também foram proibidos de adentrar as dependências do Legislativo.

Os responsáveis pela alimentação do portal da transparência prestavam o serviço através de microempresas individuais (MEIs), que não possuíam registro para esse tipo de atividade.

Apreensão - o Gaeco teve acesso à sede da Câmara de Vereadores com o apoio da Polícia Militar. Dentro do imóvel, a porta da sala ocupada pelo assessor parlamentar teve que ser arrombada, visto que somente ele possuía a chave e também foi alvo da operação.

Várias pastas de documentos, bem como computadores de mesa e um pen drive foram apreendidos na Câmara de Vereadores. Nas residências dos investigados também foram apreendidos computadores, tablets, aparelhos celulares e pen drive.

terça-feira, 29 de setembro de 2020

Prefeitura de Surubim emite Boletim do Covid19 Atualizado

 Segundo o site Assessoria de Imprensa Prefeitura de Surubim PE: Todas as informações oficiais você encontra nas redes de comunicação da Prefeitura.




Prefeitura de Surubim emite Boletim do Covid19 Atualizado

 Segundo o site Assessoria de Imprensa Prefeitura de Surubim PE: Todas as informações oficiais você encontra nas redes de comunicação da Prefeitura.




Prefeitura de Surubim emite Boletim do Covid19 Atualizado

 Segundo o site Assessoria de Imprensa Prefeitura de Surubim PE: Todas as informações oficiais você encontra nas redes de comunicação da Prefeitura.




Prefeitura de Surubim emite Boletim do Covid19 Atualizado

Segundo o site Assessoria de Imprensa Prefeitura de Surubim PE: Todas as informações oficiais você encontra nas redes de comunicação da Prefeitura.


Portugal prende 2 brasileiros que integravam esquema de falsificação de passaportes

Segundo o site https://www.noticiasaominuto.com.br: Cada documento falsificado custava cerca de 10 mil euros (cerca de R$ 65 mil).
LISBOA, PORTUGAL (FOLHAPRESS) - Autoridades portuguesas desmantelaram uma quadrilha internacional que vendia falsificações de alta qualidade de documentos de diversos países. Na operação, realizada em Lisboa, dois brasileiros - um homem e uma mulher - foram detidos.                                                                                                              Foram apreendidos centenas de documentos de alta qualidade, impressoras especiais, carimbos, selos e computadores dedicados às fraudes.


"Temos a informação de que esta foi uma das mais relevantes apreensões feitas nos últimos anos na Europa, atendendo à capacidade de produção e diversificação de documentos que estavam a ser produzidos", afirmou Cristina Gatões, diretora do SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras), órgão responsável pela imigração em Portugal.


As investigações começaram em 2018, pela polícia do Reino Unido, mas ganharam dimensão cada vez mais internacional conforme as autoridades iam desvendando partes do esquema. Participaram também a Europol (polícia europeia) e a Polícia Federal do Brasil.


Os dois brasileiros detidos viviam anteriormente no Reino Unido, tendo mudando recentemente para Portugal.


A decisão de efetuar as prisões na última segunda-feira (28) aconteceu justamente devido à alta mobilidade - e potencial risco de fuga - dos suspeitos.


Segundo a investigação, o grupo vendia as falsificações na chamada dark web - a parte da internet que não é alcançada por mecanismos comuns de busca e usada para atividades ilícitas. O pagamento pelos serviços era feito através de bitcoins, criptomoedas de difícil rastreamento.


Cada documento falsificado custava cerca de 10 mil euros (cerca de R$ 65 mil).


"No decorrer desta investigação, foi possível apurar que a documentação fraudulenta era comercializada online e era remetida via postal para países como Reino Unido, França, Luxemburgo, Portugal, Holanda, Brasil e Estados Unidos", explicou a diretora do SEF.


Apenas na última semana, as autoridades portuguesas interceptaram cerca de 150 documentos falsificados nos correios. Os portugueses destacam a alta qualidade das falsificações da quadrilha.


"Foram apreendidos centenas de documentos de elevada qualidade. Estes documentos, para quem não tem competências policiais, passam por qualquer entidade privada, e até mesmo, pública. Servem por exemplo, para abrir contas ou ter outro tipo de relação no espaço da União Europeia", completou a diretora do SEF.


A maior parte dos documentos falsificados eram passaportes portugueses. Mas, diante da demanda, os falsários ampliavam as cópias para outros segmentos e nacionalidades, incluindo outros países europeus, árabes e até mesmo o Brasil.



Os detidos na operação, batizada de Fewas, serão apresentados à Justiça em breve. 

Ex-prefeito de Surubim Túlio Vieira reafirma sua candidatura a prefeito no programa J. Santos entrevista ao vivo no Facebook

 Nesta segunda feira(28) no programa J. Santos entrevista com o amigo jornalista e radialista entrevistou o ex prefeito de Surubim Tulio Vieira(Podemos) junto com o seu vice Tony Araújo cunhado de Flavio Nobrega que também é candidato a prefeito de Surubim.

Túlio Vieira ressaltou que sua candidatura é limpa e que não tem nenhuma acordo politico e nem ajuda com o PSB  e desmentiu boatos de que estaria se aliando a outros nomes. O ex prefeito falou que não concorda com o Governo do PSB e que sempre foi oposição desde varias eleições.

O ex prefeito Túlio Vieira  critica duramente a atitude do partido Republicano que foi para Lagoa da Vaca para provocar, e fala que Túlio Vieira é da paz e que respeita o povo de Surubim.                                                   vem a concorrer mais uma vez a prefeitura de Surubim com 42 candidatos a Vereadores, falou também da sua coligação e  falou da sua trajetória e dos seus projetos, vejam a entrevista  


Mesmo sem carisma, Delegada Patrícia Domingos foi melhor. Carlos Andrade Lima a surpresa

 Segundo o site https://ricardoantunes.com.br: Por Ricardo Antunes — Não é que ela tenha sido brilhante, mas o debate pela web da UFPE mostrou uma Patrícia Domingos afiada, com números na “ponta da língua” e muito mais enfática do que todos os outros candidatos da oposição.


A surpresa ficou por conta do candidato do PSL, Carlos Andrade Lima, que mesmo sendo um “debutante”, não “tremeu” e ainda se saiu melhor do que outros candidatos que já passaram pelas urnas.                                                                                                                                  Foi o único debate com a participação de todos os candidatos a sucessão do prefeito Geraldo Júlio (PSB), mas o amadorismo dos organizadores e as constantes interrupções passaram do limite.

Nem as considerações finais dos candidatos puderam ser assistidas. O tempo de quatro minutos para as respostas ficou longo.   


Veja nossa avaliação de cada um deles e vamos fazer o bom debate:

Carlos Andrade Lima (PSL)

Sem nunca ter sido candidato, mostrou excelente articulação. Defendeu o empreendedorismo e a desburocratizarão do Estado. Ao usar como fundo o seu escritório de advocacia, deixou o visual mais leve.

Charbel Maroun (Novo)

Bem articulado e com boas propostas, mas não fez críticas contundentes, o que o fez passar pelo debate sem maiores lembranças.

Coronel Feitosa (PSC)

Ex-vereador, conhece a cidade, mas forçou uma ligação com Bolsonaro, o que ainda é apenas sonho. Deveria ter sido mais enfático em suas considerações.

Cláudia Ribeiro (PSTU)

Dos partidos da esquerda, foi quem mais colocou com clareza suas propostas. Ela também é carioca, mas veio morar no Recife aos 7 anos e é professora municipal da cidade.

João Campos (PSB)

Não foi brilhante, mas também não comprometeu. Praticamente não foi citado pelos candidatos da oposição e conseguiu passar segurança em suas teses.

Marco Aurélio (PRTB)

Começou batendo no Coronel Feitosa, dizendo que Bolsonaro e Mourão apoiam sua candidatura. Pelo que se viu no debate vai bater muito nos candidatos da direita. Foi bem na questão da sustentabilidade e na sua proposta sobre o lixo.

Marília Arraes (PT)

Outra que se saiu muito bem.
Tem seu projeto de governo na ponta da língua e domina os maiores problemas da cidade. Não citou nenhuma obra do PT, nem o nome do partido durante todo debate

Mendonça Filho (DEM)

Articulado, mas tímido nas críticas ao prefeito Geraldo Júlio (PSB). Defendeu uma auditoria na que se refere ao consórcio da Compesa e lembrou que temos uma cidade suja. Foi bem quando lembrou a questão dos impostos.

Patrícia Domingos (Podemos)

Não tem carisma, mas deu boas respostas. Mostrou segurança ao citar números sobre saúde e gastos com publicidade. Foi a única que falou sobre as operações da PF contra a Prefeitura do Recife.

Thiago Santos (UP)

Boa articulação, fez críticas as privatizações, mas suas teses são para outro mundo.

Victor Assis (PCO)

A única coisa que fez foi atrasar o debate e chamar o mundo todo de “golpistas”. Agressivo, quer derrubar o Governo Bolsonaro e implantar uma “Ditadura do Proletariado” no Brasil.

segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Trabalhadores do setor de eventos se preparam para a retomada dos serviços em Pernambuco

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Eventos sociais, casamentos, batizados e festas familiares estão liberados a partir de segunda-feira (28), obedecendo o limite de até 100 pessoas ou a ocupação de 30% do espaço.

z
Com a liberação de festas, casamentos e shows, a partir de segunda-feira (28), quem trabalha no                 setor de eventos já começou a perceber o aumento da procura pelos serviços e mudanças nas exigências                dos contratantes. As buscas, segundo eles, agora são principalmente por espaços abertos e com menores chances de disseminação do novo coronavírus (veja vídeo acima).

Eventos sociais e festas familiares estão liberados, desde que                    obedeçam ao limite de até 100 pessoas ou a ocupação de 30% do                    local. Os eventos para essa finalidade.

Também é exigido o uso de máscara e de álcool 70% pelos presentes.               A decisão vale para o Recife e Região Metropolitana, Zona da Mata            Norte e Zona da Mata Sul e Caruaru, no Agreste. 

Dono de um espaço com 1.800 metros quadrados na Zona Norte                      do Recife, Armando Garrido percebeu, após o anúncio da liberação,                  na última quarta-feira (23), o aumento imediato na procura pelo                 espaço.

"A demanda está enorme, já vamos realizar um casamento. A                            capacidade é para 200 pessoas, mas estamos fechando em até 60 e             com álcool em todas as mesas, a exigência do uso da máscara e distanciamento de mesas e cadeiras”, disse.                                                            Nos últimos seis meses, as cerimonialistas Thayná Alves e Joana              Barradas tiveram que adiar 42 casamentos por conta da pandemia.              Nesse período, realizaram apenas dois eventos adaptados, um deles                no estilo drive-in.

Em três dias de anúncio da liberação, elas já receberam pedidos de               pelo menos 15 orçamentos de eventos ainda para este ano. “A                 procura vem sendo grande. A gente está bem feliz”, afirmou Joana. 

O próximo evento realizado por elas será o casamento de Juliane               Fonseca e Rodrigo Portela. A festa, que era para 200 pessoas e                estava marcada para o dia 21 de  março, precisou ser adiada e              adaptada por conta da pandemia.

“Nosso casamento vai ser um pouco diferente do que a gente tinha                  planejado, vai ser mais intimista, somente para alguns amigos e                  familiares, mas estamos bastante ansiosos por esse momento”,                  contou Juliane.

Dona de uma agência e representante de uma comissão do                     mercado de eventos, a empresária Fabiana Schreider afirmou que,           nesses seis meses, o impacto para quem trabalha no setor foi                  grande.

"Tenho colegas que fecharam as portas e até quem passou                         necessidade. É um setor que emprega em funções diversas como           atendimento ao público, montagem, segurança. O mercado já                   estava  sentindo um pouco antes da pandemia, mas ela fechou                      com chave de ouro, mas acredito muito no poder do                     empreendedorismo”, disse.                                                                                        Pernambuco registrou, neste sábado (26), 672 novos casos de                       Covid-19, e 27 óbitos provocados pela doença. As informações                      fazem parte do boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES). Com                       isso, o estado totaliza 144.940 casos confirmados e 8.156 mortes,                       desde o início da pandemia do novo coronavírus, em março                             


Mutirão ajuda a negociar dívidas com a Compesa no Recife

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: O atendimento para a negociação online começa segunda-feira (28) e segue até sexta (2). Ação é voltada para moradores da capital.

Os consumidores que tiverem dívidas vencidas com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) poderão fazer uma negociação online do valor a partir desta segunda-feira (28). O mutirão para a negociação online é realizado pelo Procon Recife até sexta-feira (2). Ação é voltada para moradores da capital.

Os interessados devem acessar o site do Procon, e clicar no ícone           "Mutirão Online Compesa". Após receber o formulário do                  consumidor, o Procon Recife encaminha para a Compesa. A resposta          sobre a negociação com a proposta para quitação, segundo o Procon,           chegará para o consumidor em até 48 horas.

O Procon Recife ressalta que a intermediação de órgãos de defesa do consumidor possibilita descontos e parcelamentos realmente           diferenciados, facilitando a recuperação de crédito por parte do            consumidor.

Quem tiver dificuldade em aderir ao sistema online, através do e-mail procon@recife.pe.gov.br, das redes sociais @proconrecife, terá a             alternativa do atendimento presencial. Um agendamento prévio precisa           ser feito por meio do site.

Esse é o terceiro mutirão online de renegociação de dívidas feito                     pelo Procon Recife. Nos mutirões anteriores, foram mais de 1.100  atendimentos de negociação com a Companhia Energética de               Pernambuco (Celpe) e quase 1.500 com bancos.

Recife tem menos candidaturas inscritas em 2020 do que nas últimas eleições municipais

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Total de pedidos de registro de candidatura este ano foi de 895. Em 2016, número chegou a 981.

O número de candidatos inscritos na Justiça Eleitoral para disputar as eleições 2020 no Recife foi menor           do que em 2016. Além disso, de acordo com os dados declarados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), houve mudança no perfil dos candidatos, com um número maior dos que declararam ter pele parda e ensino superior.

Apesar de 11 pessoas terem feito inscrição para disputar o cargo               de prefeito da capital - número que, caso confirmado, será o maior                   em 35 anos - o total de pedidos de registro de candidatura, incluindo               para o cargo de vereador, foi 895. Em 2016, chegou a 981.

Vale salientar que nem todos os pedidos foram deferidos. O TSE ainda          levará alguns dias para registrar todas as candidaturas aprovadas ou         rejeitadas.

Em 2016, o tribunal recusou 4,18% dos pedidos. O motivo mais                      frequente de cassação ou indeferimento, segundo TSE, foi a ausência               de um dos requisitos de registro.

Em 2016, o Recife recebeu 965 inscrições para concorrer ao cargo                   de vereador, das quais 38 eram de candidatos à reeleição. Este                     ano, são 873 inscrições para o cargo, sendo 16 para concorrer à                reeleição.

A diminuição de registro de candidaturas vai na contramão do que                     ocorreu no Brasil, que este ano bateu um recorde e tem a maior              quantidade de candidatos em eleições, com mais de 517.786                 solicitações, segundo o TSE.                                                                                    

Mudança no perfil

A declaração de cor e raça de quem se inscreveu no Recife também               mudou com relação às últimas eleições municipais. Em 2016, a                  maioria dos candidatos declarou ter cor de pele branca: 434 pessoas.            Outros 414 declararam ter a pele parda, 124 a pele preta, oito a pele             amarela e um declarou ser indígena.

Este ano, a declaração de cor de pele parda foi maioria, sendo feita                   por 411 pessoas, ou seja, quase metade dos candidatos. Desta                      vez, 316 declararam ser de cor branca. Outros 119 declararam ter                       pele preta e dois disseram ser indígena. Desta vez, 47 não fizeram a declaração.

Também mudou o perfil da maioria quanto ao grau de instrução                     declarado por quem de inscreveu. Este ano, a maioria dos                   candidatos declarou ter ensino superior completo. São 350                     candidatos com educação superior, 349 com ensino médio                     completo e 65 com superior incompleto. Além disso, 48 candidatos              declararam ter ensino fundamental completo, 30 conseguem ler                           e escrever, 27 têm ensino médio incompleto e 26, ensino fundamental incompleto.

Em 2016, a maioria tinha ensino médio completo: 367 candidatos. Os candidatos com ensino superior completo eram 330 e ficavam em               segundo lugar. Foram inscritos ainda 105 candidatos com superior                incompleto, 70 com ensino fundamental completo, 53 com ensino                       médio completo, 47 com ensino fundamental incompleto e 9                 declararam que conseguiam ler e escrever.  

sábado, 26 de setembro de 2020

Duas pessoas morrem e três ficam feridas após acidente de trânsito na PE-60, em Ipojuca

 Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambuco: Uma das vítimas é um sargento do Corpo de Bombeiros de 39 anos. A esposa dele, de 36 anos, não resistiu aos ferimentos. A filha do casal, de 4 anos, foi levada para hospital no Recife.

Duas pessoas morreram e outras três ficaram feridas num acidente de trânsito nesta sexta-feira (25),                    na PE-60, no município de Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco (veja vídeo acima). O acidente                  envolveu dois veículos e ocorreu no sentido Tamandaré.

Segundo o Corpo de Bombeiros, morreram um sargento da corporação,               de 39 anos, e a esposa dele, Rakelli Nogueira do Nascimento, de 36.                A filha do casal, de 4 anos, foi levada ao Hospital da Restauração,                     no Recife. A unidade hospitalar disse que o estado de saúde dela é considerado estável e que ela passa por exames.

Segundo o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu),                   outras duas pessoas ficaram feridas. Uma delas, uma mulher de                   idade não informada, foi levada ao Hospital Dom Helder Câmara,                  no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

Um homem de 38 anos, que também ficou ferido, foi levado ao                 Hospital Português, no Centro do Recife. Não há informações sobre                   o estado de saúde desses dois feridos.                                                                    Através de imagens enviadas ao WhatsApp da TV Globo, é possível             ver que a parte dianteira de um dos veículos ficou completamente                     destruída. As circunstâncias em que o acidente ocorreu não foram               divulgadas.

"Quando passei no sentido Maragogi, vi que o corpo de uma mulher                 foi arremessado do carro e outra pessoa estava presa no volante.           Também estavam fazendo o resgate de uma criança. Acho que a              cadeirinha pode ter salvo a criança", contou a auxiliar administrativa            Dianna Fernanda, que presenciou o resgate às vítimas.

Uma viatura do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) passou no local            após o acidente e parou para dar assistência.                                                          

TV Jornal SBT