sábado, 27 de junho de 2020

Paulo Câmara (PSB) e Camilo Santana (PT) recusam convite de Bolsonaro para inaugurar trecho da transposição do Rio São Francisco

Segundo o site https://portaldeprefeitura.com.br:O presidente esteve na manhã desta sexta-feira, dia 26 de junho, no local e acionou a comporta para liberação das águas da transposição, por volta das 11h.Paulo Câmara (PSB) e Camilo Santana (PT) recusam convite de Bolsonaro para inaugurar trecho da transposição do Rio São FranciscoDe acordo com site O Antagonista, os governadores Camilo Santana (PT), do  Ceará e Paulo Câmara (PSB, de Pernambuco) recusaram o convite de Jair Bolsonaro para participar da inauguração do trecho cearense da obra da transposição do Rio São Francisco. O convite, feito pessoalmente por Rogério Marinho, foi rejeitado pelos mandatários. A inauguração foi realizada nesta sexta (26).
No Twitter, Camilo Santana disse que só irá ao local quando o estado superar o “grave momento da pandemia”. “Só após superarmos este grave momento de pandemia, que já atingiu mais de cem mil irmãos e irmãs cearenses, deverei voltar ao local da transposição, para ver de perto as águas do São Francisco” escreveu.
O presidente Jair Bolsonaro chegou na manhã desta sexta-feira (26) ao Ceará para inaugurar trecho do Eixo Norte da transposição do Rio São Francisco. Após aterrissar em Juazeiro do Norte (CE), a comitiva oficial se dirigiu ao distrito de Milagres, no município pernambucano de Salgueiro (PE), na divisa com o Ceará. Lá, Bolsonaro acionou a comporta para liberação das águas da transposição, por volta das 11h.
A obra de transposição das águas do Rio São Francisco foi iniciada em 2007, durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O trecho inaugurado nesta sexta-feira por Bolsonaro conduz as águas do Velho Chico ao Ceará, na barragem de Jati, região do Cariri.
Os investimentos na obra passam de R$ 10 bilhões. Inicialmente, a previsão era de que seriam necessários cinco anos para a construção de 477 quilômetros em obras, reunidas em dois grandes canais para abastecer açudes e rios que desaparecem nos períodos de seca no Ceará, em Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte.


Desde 2007, tinha que ser o mito pra entregar essa obra em apenas um ano e meio de mandato.
Bolsonaro pôs fim à corrupção petista na Transposição das Águas do Rio São Francisco e inaugurou uma das obras mais importantes para o Nordeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário