sábado, 30 de novembro de 2019

Proposta de Bolsonaro é rejeitada e auxílio reclusão de R$ 1,3 mil para presos é mantido

Segundo o site https://noticiabrasilonline.comO relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), rejeitou a proposta do governo para endurecer as regras para ter direito ao auxílio-reclusão, benefício pago a dependentes de presos.O presidente Jair Bolsonaro queria pagar o auxílio apenas para quem ganha até um salário mínimo (R$ 998 em 2019). Moreira quer que seja mantido o teto atual, de R$ 1.364,43. Esse valor é corrigido anualmente pelo INSS.
LEIA MAIS:
“O impacto financeiro, caso o direito a estes benefícios seja garantido apenas para quem ganha até um salário mínimo, é inexpressivo para a Previdência Social, mas terá grande repercussão para cada beneficiário que deixará de contar com a renda em questão”, diz o relatório.
DA: FOLHAPRESS

Oito mil pescadores devem receber auxílio por causa de desastre com óleo no litoral de Pernambuco, diz governo

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambucoMedida provisória foi editada pelo governo federal nesta sexta (29). Segundo estado, norma não inclui marisqueiros e catadores de ostra e caranguejo.Pescadores de Pernambuco tiveram baixa nas vendas após óleo no litoral — Foto: Reprodução/TV GloboO governo de Pernambuco estima que oito mil pescadores artesanais serão beneficiados pela Medida Provisória (MP) que garante auxílio emergencial para pescadores profissionais que atuem nos municípios afetados pelas manchas de óleo. A MP foi editada e nesta sexta-feira (29) e publicada no Diário Oficial da União 
O auxílio emergencial é no valor de R$ 1.996. O pagamento será feito em duas parcelas iguais a municípios relacionados no site do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) até esta sexta-feira                                                              As dificuldades são sentidas por pescadores que fazem parte da Colônia Z-1, do Pina, Zona Sul do Recife. No local, há 1.480 associados. Desde setembro, eles esperam por ajuda do governo federal, como é o caso de Severino Francisco.
"Nesse tempo que a gente pesca, nunca passamos por uma dificuldade como a que estamos passando agora. Depois que surgiu esse óleo, muitos pescadores estão desesperados, sem saber o que fazer. Inclusive eu", afirmou.
A situação é parecida com a de Álvaro Lopes, que está vivendo com o dinheiro que ganhou na pescaria de lagosta, três meses atrás. "Estamos gastando e já estamos chegando no limite, o que não tem mais. Peixe, lagosta, está tudo parado", declarou. Óleo foi achado em Goiana, no Litoral Norte de Pernambuco — Foto: Reprodução/WhatsAppA MP, no entanto, limita o pagamento do auxílio aos profissionais inscritos no Regime Geral da Atividade Pesqueira (RGP) nos municípios atingidos pelo óleo.
O governo estadual afirma que a medida não atende ao conjunto dos pescadores prejudicados e que deveria ser ampliada para os demais profissionais que vivem da pesca artesanal, como marisqueiros e catadores de caranguejo e ostra.
Cabe ao Ministério da Cidadania pagar o valor, que será dividido em duas parcelas, por meio da Caixa Econômica Federal. Os beneficiários precisam ser identificados pelo Número de Identificação Social (NIS)
Na quinta-feira (28), o Ibama informou que o número de localidades atingidas já soma mais de 800 pontos em todos os nove estados do Nordeste, além do Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Peste suína está na origem do aumento do preço da carne brasileira

Segundo o site https://gauchazh.clicrbs.com.brBom para os produtores, ruim para os consumidores, cenário não tem mudanças a curto prazo, apesar de estar ocorrendo em um período de entressafra da pecuáriaCarlos Macedo / Agencia RBSVariedade de carnes e fartura no churrasco vão ficar mais difíceis com a elevação no preço do produto
Em 2010, em um congresso de carnes em Buenos Aires, o então secretário de Agricultura e da Pecuária da Argentina, Lorenzo Basso, afirmou que a proteína se tornaria um "artigo de luxo". Diante de uma plateia incrédula com suas afirmações, Basso destacou que o aumento de renda em países emergentes, a elevação dos custos de produção e a substituição de espaços da pecuária por novas áreas de grãos elevariam em muito, o preço das carnes.                                                                                                                                  Ele não contava com novos fatores decisivos nessa escalada de preços: o perigo do avanço de doenças no setor. A previsão de Basso se confirma não tanto pela bovinocultura, mas pela suinocultura. A peste suína africana avança, e a situação ficou mais complicada quando atingiu em cheio a China, maior produtora e consumidora de carne suína no mundo.
Em 2013, apenas cinco países registravam a peste suína. Eles representavam 3,5% da produção de carne de porco no mundo. Neste ano, 31 países foram à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) comunicar que tiveram focos da doença. Esses países detêm 62% da produção mundial.
Sendo a peste suína uma doença devastadora para a produção, quem necessita dessa proteína vai buscar o produto em regiões livres. Na falta dessa carne, os países buscam alternativas em outras proteínas.
É nesse contexto que entra o Brasil, um dos principias produtores e exportadores. Livre da peste suína, e grande fornecedor de carnes, o país passou a ser o centro de procura de proteína animal. Apesar de não ser um grande fornecedor de carne de porco, o país tem um bom potencial no fornecimento de carnes bovina e de frango, que estão substituindo a suína.
O apetite maior vem da China, que aumentou em muito as importações de proteínas. Em 2017, antes de a peste suína chegar a seu território, os chineses compraram 10% das carnes bovina, suína e de frango que foram comercializadas no mundo. Em 2020, devem adquirir 21% do volume total a ser transacionado mundialmente.
Bom para os produtores, que veem o preço atingir patamar recorde. Ruim para os consumidores, que pagarão caro pelo produto. A carne pode passar a ser um "artigo de luxo" também para os consumidores brasileiros, apesar de o país ser um dos principais produtores mundiais.
E esse cenário não tem mudanças a curto prazo, apesar de estar ocorrendo em um período de entressafra da pecuária. O ciclo de produção das carnes bovina e suína não é rápido, como o do frango.
Pelo menos por ora, as contas não fecham no Brasil. Comparando os dados de 2017, quando a China ainda tinha participação menor no mercado mundial de carnes -a peste suína chegou ao país asiático em agosto de 2018--, houve um aumento grande da margem entre produção interna e exportação brasileiras.                Dados do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) mostram que a produção brasileira de carne bovina de 2020 deverá superar em 13% a de 2017. Nesse mesmo período, no entanto, as exportações sobem 40%.
O cenário é complicado também para a carne suína. A produção brasileira deverá subir 12% no período, e as exportações, 34%. Os dados para o frango indicam uma situação um pouco mais confortável. Os brasileiros elevam a produção de 2020 em 3%, em relação à de 2017, e exportam 5% a mais.
A pressão nos preços, já sentida nos últimos meses deste ano, deve continuar. Dados da Fundação Instituto de Pesquisas (Fipe) mostram que os preços médios da carne bovina subiram 17% na terceira semana deste mês, em relação aos de igual período de outubro.
A alta da carne suína foi de 12%, e o preço do frango, que vinha em queda, supera em 9% o da terceira semana de outubro. Se as estimativas do Usda se concretizarem, o Brasil vai exportar 25% das carnes bovina e suína produzidas no próximo ano. Em 2017, foram 20%.
A peste suína africana continua avançando e não respeita fronteiras. Espalha-se pela África, pela Ásia e pela Europa. Neste último continente já atinge a Polônia e está a 50 quilômetros das fronteiras da Alemanha, um dos principias produtores europeus. Em 2013, a OIE registrou 1.701 casos de peste suína. Neste ano, já foram 424 mil.
Os estragos da doença são grandes. A China produziu 55 milhões de toneladas de carne suína em 2017, volume que deverá recuar para 35 milhões em 2020. O país terá um rebanho menor porque antecipou abates de animais neste ano.
Com essa deficiência na produção, chineses devem comprar 25% da carne bovina a ser comercializada no mundo em 2020 e 34% da suína. A participação chinesa no comércio mundial de carne de frango também sobe, mas fica em 6%. O país está investindo muito na produção de aves, um setor cuja produção responde rapidamente.
O Brasil está livre da peste suína africana, mas, devido ao avanço rápido da doença pelo mundo, associações dessa cadeia de produção buscam meios para se proteger. Essas precauções vão desde treinamentos de produtores à importação de cães farejadores, especializados em detectar carnes nos pontos de entrada de mercadorias no país.
Parte importante dessa tarefa cabe ao governo, principalmente com a elevação de recursos para o desenvolvimento da defesa animal. Os países buscam desesperadamente uma vacina contra a doença. Enquanto ela não vem, todos correm perigo.        
  • Mais sobre:
  • folhapress
  • carnea
  • agricultura
  • pecuária
  •      

    Provas do vestibular seriado da UPE são realizadas para alunos do 1º e 2º anos do ensino médio

    Segundo o site https://g1.globo.com/pe/pernambucoCandidatos fazem testes no domingo (1º) e na segunda-feira (2). Ao todo, 28.963 jovens se inscreveram no SSA1 e 19.683, no SSA2.Reitoria da Universidade de Pernambuco, no Centro do Recife — Foto: Marlon Costa/Pernambuco PressAs provas do vestibular 2020 no Sistema Seriado de Avaliação (SSA) da Universidade de Pernambuco (UPE) têm início no domingo (1º). Os estudantes do 1º e 2º anos do ensino médio também fazem testes na segunda-feira (2). Ao todo, 28.963 candidatos se inscreveram no SSA1, para alunos do 1º ano, e 19.683 no SSA2, para jovens que cursam o 2º ano.
    No Sistema Seriado, os estudantes fazem prova durante os três anos do ensino médio. Os testes são baseados nos conteúdos específicos de cada série estudada.
    Para os inscritos no SSA1, os testes ocorrerão das 8h15 às 12h15. Os portões dos locais de provas fecharão às 8h. Os candidatos do SSA2 realizarão as provas à tarde, das 14h15 às 18h15. Os portões serão fechados às 14h.              Para participar do vestibular seriado, os candidatos devem entrar no site e imprimir o cartão de identificação. Também é preciso apresentar a identidade original ou outro documento com foto e assinatura recentes. O aluno tem que levar caneta esferográfica azul ou preta.
    As provas dessas duas etapas serão escritas. No domingo, os candidatos responderão a 44 questões distribuídas entre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, física, língua estrangeira (inglês ou espanhol) e filosofia.
    Na segunda, eles responderão a 46 questões das disciplinas de biologia, química, história, geografia e sociologia. Os estudantes terão quatro horas para fazer as provas e poderão sair das salas após três horas de início dos testes.
    O desempenho individual dos estudantes nas duas fases será divulgado até o dia 15 de março de 2020, apenas no sistema de inscrição.
    Para o processo seletivo de 2020, são oferecidas 1.740 vagas, disponíveis em 54 cursos. O mais concorrido é o de medicina, na livre concorrência, no campus Serra Talhada, no Sertão do estado, com 34,3 candidatos por vaga.

    Terceiro ano

    Os alunos do 3º ano do ensino médio inscritos no sistema seriado fizeram vestibular nos dias 18 e 19 de novembro. De acordo com a instituição, no primeiro dia de testes o número de faltas chegou a 9,4%. No segundo dia, o índice de abstenção ficou em 10,1%.
         

    OS PARABÉNS DE HOJE VAI PARA ELIAS DE SURUBIM

    Parabena de hoje vai para o jovem Elias, que nesta data Jesus o amigo fiel possa realizar todos os teus sonhos, e te der muita paz, saúde e muitas felicidades A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, óculos e chapéu

    sexta-feira, 29 de novembro de 2019

    RECORDANDO AS BOAS MÚSICAS ANOS 60,70 E 80 NO ANGEL RECEPÇÕES COM O TÚNEL DO TEMPO SURUBIM

    Os Bons Tempos Continuam neste sábado(30) no Angel Recepções as 22:00h abertura com os amigos Biuznho e Manteiga com um repertorio de lindas musicas, realização pelo Produtor de Eventos Roberto Pessoa que trás recordando os anos 60,70 e 80 e vem ai uma das melhores Bandas do Brasil,, Banda Túnel do Tempo, você não pode perder um dos melhores eventos de todos os tempos, na cidade de Surubim, reserve logo sua mesa pelo (81) 98258-7911 e traga toda sua família.


    BANDA O TUNEL DO TEMPO (RECIFE) COM GET BACK       waldneves                                                          waldneves  


    BANDA O TUNEL DO TEMPO (RECIFE) COM TWIST AND SHOUT  waldneves


    A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo

    Entrevista ao Vivo no J.Santos no Facebook com Roberto Pessoa em Surubim

    quinta-feira, 28 de novembro de 2019

    Prefeitura de Surubim reabre o posto de apoio PSF em Barra da Onça Surubim

    Segundo o site Assessora de Imprensa Prefeitura de Surubim PE:gora, os moradores do Sítio Gangungo terão atendimento de saúde específico para a comunidade. A imagem pode conter: 4 pessoasO espaço foi reaberto pela gestão municipal e vai oferecer atendimento com toda a equipe médica e de enfermagem, duas vezes no mês. A imagem pode conter: 19 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e atividades ao ar livreEm breve, os moradores também irão receber atendimento odontológico. É saúde e prevenção chegando a todos os cantos da cidade.

    Justiça da Itália confirma prisão perpétua de terrorista que Lula protegeu

    Segundo o site https://es.theepochtimes.comBattisti foi duas vezes condenado à prisão perpétua por quatro assassinatosO ex-militante comunista italiano Cesare Battisti (C), procurado em Roma por quatro assassinatos atribuídos a um grupo terrorista de esquerda na década de 1970, é escoltado por policiais italianos de uma instalação do aeroporto a um carro da polícia com destino ao Prisão de Rebbibia em Roma (Foto de ALBERTO PIZZOLI / AFP / Getty Images)O Tribunal de Cassação italiano confirmou nesta terça (19) a sentença de prisão perpétua do terrorista Cesare Battisti, que o ex-presidente Lula protegeu no Brasil na condição de “perseguido político”.
    O bandido havia sido condenado duas vezes à prisão perpétua por quatro assassinatos nos anos 1970. Ele também deixou paraplégico um garoto de 15 anos de idade que o viu assassinar seu pai friamente. Esse garoto, que sonhava ser jogador de futebol, é a mais contundente testemunha contra o bandidão.
    O tribunal declarou inadmissível o recurso apresentado por Battisti contra o tribunal de apelação de Milão que, em 17 de maio, negou que sua pena fosse comutada para 30 anos de prisão.                                                                                                                                         O terrorista permaneceu por 40 anos fugitivo. Primeiro ele fugiu para a França, depois para o Brasil sob proteção Lula, que, por ignorância ou cumplicidade com a causa terrorista, concedeu-lhe asilo.
    Temer decretou extradição, Battisti fugiu
    Battisti fugiu do Brasil após o então presidente Michel Temer assinar decreto, em 14 de dezembro de 2018, autorizando sua extradição, conforme recomendação do então secretário de Assuntos Jurídicos do Palácio do Planalto, Gustavo Rocha.
    Na sequência, o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), expediu ordem de prisão. O terrorista ficou desaparecido por vários dias até ser capturado na Bolívia, em janeiro deste ano, e extraditado em seguida para a Itália, onde onde está cumpre sua sentença em prisão de segurança máxima.
    Na Itália, a prisão de Battisti foi aplaudida pela direita e pela esquerda, em particular porque o ex-chefe do grupo Proletários Armados pelo Comunismo (PAC) nunca expressou arrependimento por seus atos. 

    Senador paraguaio que defendeu morte de 100 mil brasileiros é cassado

    Segundo o site https://gauchazh.clicrbs.com.br: Paraguayo Cubas Colombes perdeu o mandato por 23 votos favoráveis, um contrário e três abstenções. Ele chamou imigrantes de "bandidos" em vídeo que circulou nas redesNORBERTO DUARTE / AFPO líder do Movimento Cruzada Nacional, Paraguayo Cubas Colombes, teve seu mandato no Senado paraguaio cassado nesta quinta-feira (28) após um escândalo relacionado a vídeos seus divulgados nas redes sociais. Em uma das gravações, ele afirmou que queria matar cem mil brasileiros e levá-los para o "paredão", em referência a um pelotão de fuzilamento.                                                               O Movimento Cruzada Nacional é de oposição ao governo de Mario Abdo Benitez. O senador, conhecido popularmente como "Payo" Cubas, afirma que é contra os movimentos de esquerda e de direita e quer uma nova "república" no Paraguai, adotando um discurso nacionalista e contrário à política tradicional no seu mandato.
    A acusação formal que levou Cubas a perder o mandato foi de tráfico de influência, uma vez que ele trabalhou para barrar a promoção de uma policial em Ciudad del Este e utilizou o seu mandato para fazê-lo. Isso por que a policial investigou um episódio no qual ele atropelou uma colega sua e agrediu um outro soldado na cabeça. O senador já havia sido suspenso duas vezes, por dois meses, sem receber salários, por enfrentamentos com colegas no Congresso.
    Nos últimos dias, vídeos divulgados nas redes sociais desencadearam um escândalo político no Paraguai. Em um deles, Cubas afirma que seria necessário matar "pelo menos 100 mil brasileiros bandidos". No país, que tem sete milhões de habitantes, vivem um milhão de pessoas de origem brasileira, principalmente agricultores e pecuaristas.

    O presidente da associação dos produtores de soja do Paraguai, o brasileiro Eno Michels, manifestou a sua revolta com as falas de Cubas no Senado.
    — Estamos indignados com a atitude deste senador, que incita a xenofobia contra os brasileiros. Viemos ao Paraguai convidados pelo governo — afirmou nesta quinta.

    O presidente da União Industrial Paraguaia, Gustavo Volpe, afirmou que Cubas "passou de todos os limites aceitáveis".
    — Não podemos ter representantes desta natureza, que buscam gerar um conflito com o Brasil — afirmou.
    O senador do partido Patria Querida, que também era de oposição, mostrou os vídeos para fundamentar a expulsão. Além disso, Zavala somou às acusações os maus tratos físicos a policiais, coação, ameaça, dano ao patrimônio público, perturbação à ordem pública, incitação a cometer casos puníveis e apologia ao delito.                                                                                                                                                                      Ver imagem no Twitter    

    Forte estrondo na CSN assusta moradores de Volta Redonda

    Segundo o site https://odia.ig.com.brRio - Moradores de Volta Redonda, no Sul Fluminense, acordaram com um forte estrondo na Usina Presidente Vargas, da CSN, na manhã desta quinta-feira. De acordo com a siderúrgica, por volta das 6h35, na unidade de Aciaria de Aços Planos, ocorreu uma reação no Forno Panela, gerando emissões pelo lanternim. Ninguém ficou ferido. Fumaça escura na CSN assusta moradores de Volta RedondaSegundo relatos dos moradores nas redes sociais, o estrondo deixou vidraças de casas nos bairros Conforto e Retiro trêmulas. Muitos internautas também relataram que uma fumaça escura era visível em diversos pontos da cidade. 
    Ainda segundo a CSN, os órgãos ambientais foram comunicados e as equipes técnicas da siderúrgica estão analisando as possíveis causas dessa ocorrência. 

    Parabéns a jovem mãe mulher de Deus Laurnete Barbosa Surubim PE

    Hoje os Parabéns vai para  a Jovem mãe  Laurinete Barbosa, Deus está no controle da tua vida, você pode ter certeza de uma coisa: não existe nenhuma barreira capaz de te deter!

    Você tem sido uma pessoa essencial na Igreja e na nossas vidas a caminhada com o Senhor, sempre com um conselho acertado nos momentos mais delicados.

    Obrigado por ser um instrumento de Deus na nossas vidas e na vida de muitas outras pessoas que receberam a bênção de conhecer alguém como você!

    Feliz Aniversário! De Carlos Galhardo e esposa Vera Galhardo com muito carinho.

    MOTOS SE CHOCAM VIOLENTAMENTE E DEIXA DOIS FERIDOS NA BR 104 NA DIVISA TORITAMA/CARUARU

    Segundo o site https://www.ojornaldetoritama.com.brNo final  da noite de ontem dia 27/11 foi registrado  mais um acidente  na BR 104, mais precisamente na Vila Canaã Distrito de Caruaru  que faz divisa com Toritama. As primeiras informações é  que  duas motocicletas se chocaram frontalmente deixando duas pessoas  feridas  uma das vítimas  que não tiveram  os nomes divulgados  ficou desmaiada  em cima da motos enquanto  a outra foi jogada para o acostamento. Equipes do SAMU foram acionados e socorroreram as vítimas  até o hospital Municipal Nossa Senhora de Fátima que não  divulgou  o estado  de saúde dos mesmos. Nossa equipe já está buscando  mais informações sobre a identidade  e o estado  de saúde das vítimas. 

    Governo de Dilma emprestou 33 bilhões para 5 aliados de esquerda. É a caixa preta do BNDES

    Segundo o site https://www.jornalopcao.com.br: O déficit do governo petista é de 30 bilhões. O petismo “subsidiou” investimentos em
    Cuba, Venezuela, Nicarágua, Argentina e Angola. País de Fidel Castro é mau pagadorRaul Castro (Cuba), José Eduardo dos Santos (Angola), Nicolas Maduro (Venezuela), Cristina Kirchner (Argentina) e Daniel Ortega (Nicarágua): todos presidentes de esquerda e amplamente favorecidos pelos governos petistas de Dilma Rousseff e Lula da Silva/ AP/ Pedro Parente / Agência Lusa/ Alba Ciudad/ Marcos Brindicci/ Daniel SiriaRaul Castro (Cuba), José Eduardo dos Santos (Angola), Nicolas Maduro (Venezuela), Cristina Kirchner (Argentina) e Daniel Ortega (Nicarágua): todos presidentes de esquerda e amplamente favorecidos pelos governos petistas de Dilma Rousseff e Lula da Silva/ AP/ Pedro Parente / Agência Lusa/ Alba Ciudad/ Marcos Brindicci/ Daniel Siria
    As crescentes dificuldades econômicas, ao que parece, continuarão a recair sobre uma população cada vez mais combalida pela carga tributária. Carga cada vez mais longe de ser devolvida em justos benefícios, e consumida em grande parte por uma máquina estatal usada por um partido e um grupo ideológico que ocuparam o governo. Só nos livrando desse grupo e desse partido poderemos vislumbrar um estancamento da sangria que se aplicou à sociedade.
    A saúde da nação terá então que ser paciente e trabalhosamente reconstruída, com gente mais honesta e competente no governo. Isso demandará tempo, terá que ser feito sem o comprometimento ideológico, grande responsável pela penúria e pelo caos. Não é verdade? Então vejamos.
    Nem vamos examinar os últimos escândalos envolvendo Petrobrás e Eletrobrás, já suficientemente anunciados (embora apenas em parte) na operação Lava-Jato. Vamos dizer algo de um problema que ainda está por ser revelado, na sua maior parte: chama-se BNDES.
    O pouco que veio à luz, contudo, é bastante para imaginar que podemos nos encontrar diante de algo maior, em termos de desvio, de malversação e de desrespeito à população, que sofre com a falta de recursos para segurança, saúde, educação e infraestrutura. Parece ser, o que se esconde no BNDES, algo ainda mais expressivo do que tudo aquilo que vem escandalizando a nação. E ser o cúmulo da distorção ideológica no manejo do dinheiro dos impostos, dinheiro de quem trabalha de verdade no Brasil.
    O orçamento enviado ao Congresso pela presidente, espantosamente e de maneira ilegal, previa uma deficiência de 30,5 bilhões de reais. Em outras palavras, o governo afirmava ter que gastar, em um ano, quantia bem maior que a arrecadada, e praticamente transferia ao Congresso a solução do problema.
    Esse mesmo governo (ou ele e o antecessor, o que dá no mesmo), contudo, transferiu para o BNDES, em títulos públicos e em cinco anos, cerca de 300 bilhões de reais. O que não fica muito claro para a população é que o tesouro paga uma taxa de juros remuneratória a esses títulos de 9,5% ao ano, e o BNDES empresta esse dinheiro a apaniguados nacionais ou estrangeiros a algo como 5%, que corresponde à TJLP (taxa de juros a longo prazo).
    Já vai aí uma incongruência: nós todos, até o mais humilde trabalhador braçal que labuta no interior da Amazônia, subsidiamos uns poucos tomadores da maioria dessa massa monetária, seja ele uma Construtora Odebrecht aqui dentro ou seja o governo da Venezuela lá fora. A conta é simples: os 300 bilhões remunerados a 9,5% e emprestados a 5% dão ao tesouro, ou seja, a todos os que pagamos impostos, cerca de 13 bilhões de prejuízo ao ano. Só aí está um terço do furo orçamentário deste ano.
    Mas há outras incongruências: o critério para alocação desses recursos, e isso ocorre nos casos mais absurdos, como nos empréstimos a Angola e a Cuba, é muitas vezes secreto. Você brasileiro, que paga impostos caríssimos e que talvez esteja desempregado por culpa da incompetência do governo em administrar a economia, não pode saber o que os petistas estão fazendo com seu dinheiro. Vejamos alguns — e apenas alguns — empréstimos feitos pelo BNDES e sobre cujo retorno e válida finalidade temos todo o direito de lançar suspeita:
    Eike Batista — R$ 10 bilhões
    Marfrig — R$ 3,5 bilhões
    Governo de Cuba (Porto de Mariel) — 3,5 bilhões
    Governo da Venezuela — 11,5 bilhões
    Governo da Nicarágua — 4 bilhões
    Governo da Argentina — 4 bilhões
    Governo de Angola — 10 bilhões
    Há algum bom pagador nessa lista? Eu diria mesmo que estão todos quebrados e possivelmente não veremos um tostão de volta, ao menos nesta geração. Chamo a atenção para o fato de que estamos apresentando aqui apenas os números que a imprensa a duras penas conseguiu levantar, e esses mais de 50 bilhões, cifra bem maior que o furo do orçamento dilmista deste ano, podem na verdade estar subdimensionados. Aliás, muito subdimensionados.
    Disparates do petismo
    Mas se o leitor acha que os absurdos param por aí, está redondamente enganado, como se dizia antigamente. Basta dar uma olhada mais de perto nesses números:
    Os 13,5 bilhões de reais levados por Eike Batista e Marfrig poderiam, se transformados em hospitais públicos de excelência, nos moldes de um Sarah Kubistchek, de um CRER ou de um Hugol, aliviar o sofrimento de quantos brasileiros, hoje despejados em corredores hospitalares?
    O porto de Mariel, em Cuba, onde estão enterrados pelo menos alguns reais de cada brasileiro que pagou seus impostos, é um caso curioso: Serviu para reforçar a tirania dos ditadores Fidel e Raúl Castro. Serviu para entregar à Construtora Odebrecht uma bela obra sem concorrência. Terá servido para pagar a Lula centenas de milhares de reais por palestras que não valem um tostão furado. E quem fiscalizou, dentro da ditadura cubana, os preços unitários, para saber se não eram superfaturados? Ou acredita alguém que a obra foi feita por preços bem baratinhos? Dizem mesmo que uma parte desse nosso rico dinheirinho poderia muito bem voltar para cá na mala diplomática cubana e servir para reforçar caixas dois de campanha. Honi soit qui mal y pense.
    Enquanto isso, os portos brasileiros necessitam desesperadamente de recursos para sua modernização. O porto de Santos clama por uma dragagem há anos, pois não pode receber navios de grande calado. E, suprema ironia: com a aproximação entre Estados Unidos e Cuba, o porto de Mariel servirá aos americanos, que possivelmente venham mesmo a operá-lo. Terá sido um presente dos trabalhadores brasileiros aos trabalhadores americanos, que ganham dez vezes mais. Essa a competência dos petistas, esse, o amor que têm aos nossos pobres.
    Na Venezuela, continuando, foram financiados o metrô de Caracas, uma enorme ponte sobre o Orinoco, a Usina Siderúrgica Nacional e estaleiros. Perguntem, amigos: não precisamos ampliar e melhorar o transporte urbano? Em nossas capitais ou na capital venezuelana? Pontes sobre nossos rios, estão todas feitas? Ou o Orinoco é rio brasileiro? Nossas siderúrgicas, nossos estaleiros estão dispensando financiamentos?
    Com nossas térmicas permanentemente ligadas, caras e poluentes, estamos em condições de dar dinheiro à Nicarágua para construir a hidrelétrica de Tumarin? Justo a Nicarágua, país arruinado, sem condições de gerar renda, e além de tudo submetido à devastação da incompetência bolivariana, sinônimo de comunista?
    Estamos financiando gasodutos e aquedutos argentinos, como se não precisássemos aqui de uma coisa e outra, se nosso saneamento básico estivesse prontinho, em todo o território nacional. Enterramos 10 bilhões de reais em Angola, uma ditadura corrompida, enquanto nossas estradas estão em petição de miséria, para desespero dos pobres caminhoneiros que transportam nossa soja. Por que os petistas não se preocupam com eles como se preocupam com os seus colegas dos países vizinhos bolivarianos? Talvez porque pertençam à elite branca de olhos azuis. Todos esses receptadores do dinheiro do BNDES são, e não por coincidência, países que caíram nas mãos do neocomunismo, que Dilma Rousseff adora.
    Não falei em Equador e Bolívia, e os deixo para outro dia, em respeito ao estômago do leitor. Já disse o bastante para deixar nauseados os que leram até aqui. Por hoje, a dose indignação já é mais que suficiente. Que Deus e as nossas instituições, ou o que resta delas, nos livrem o mais rápido possível desse governo, desse partido, dessa ideologia clepto-comunista. Basta de roubalheira e devastação.