terça-feira, 23 de julho de 2019

Saque do FGTS deve ter limite de R$ 500; brasileiros vão gastar menos nas férias e outras notícias

Segundo o site Boletim Diário do LinkedIn: Saque do FGTS deve ter limite de R$ 500. Segundo o Estado de S. Paulo, o teto para 2019 foi definido após pressão do setor da construção civil
.
Como esse valor máximo seria para contas ativas (dos contratos atuais) e inativas (de contratos inativos), um trabalhador com uma conta ativa e outra inativa poderia sacar R$ 1 mil. O impacto poderia elevar o PIB deste ano a 1,1%, segundo cálculos oficiais – a previsão atual é 0,81%. A partir do ano que vem, a ideia é permitir aos trabalhadores uma nova modalidade de retirada dos recursos: o “saque aniversário”.
Brasileiros vão gastar menos em férias de verão. Uma pesquisa da Ipsos para a Europ Assistance aponta que quase 70% dos brasileiros entrevistados já planejaram suas próximas férias de verão. Segundo o levantamento, a média de gasto por viajante é de R$ 5 mil – um orçamento 3% menor em relação a 2018. Ainda de acordo com o estudo, os brasileiros são os que mais deixam para comprar passagens na última hora: 41% o fazem com menos de um mês de antecedência, ante 26% na Europa e 21% nos EUA.
Maternidade não é tema para entrevista. Perguntas sobre maternidade deveriam ser proibidas em processos seletivos no Brasil, defende a consultora Miriam Grosman na revista "Época Negócios". Segundo ela, as mulheres não deveriam precisar responder se têm filhos, quando pretendem tê-los ou que horas devem sair para buscá-los na escola — entre outras perguntas que os recrutadores não costumam fazer aos homens. Proibir esses questionamentos reduz a chance de discriminação e torna os processos seletivos mais justos, diz Grosman. Veja o que estão dizendo sobre o assunto.
Indústria mantém leve otimismo sobre futuro, diz CNI. A Confederação Nacional da Indústria indica que o cenário econômico para a indústria foi ruim em junho, mas a expectativa do setor se manteve positiva para os próximos meses. Uma pesquisa do órgão aponta alta de 0,5% na expectativa de demanda e avanço de 0,4% na expectativa de compra de matéria-prima.
Geração Z quer mais do que salário alto. Para 42% dos jovens de 18 e 24 anos, o principal fator de sucesso é trabalhar com o que gosta. Equilibrar trabalho e vida pessoal aparece em segundo lugar, com 39%. Depois, está ser reconhecido pelo que faz (32%) e, em último lugar, ganhar bem (31%). No Brasil, existem cerca de 24 milhões de pessoas ocupando essa faixa etária. Os dados são de pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e do SPC Brasil em parceria com o Sebrae.
Ideia do dia: lideranças que não sabem cobrar resultados geram desmotivação e prejudicam o rendimento de suas equipes. Segundo a contadora Eliana Borba, os gestores devem exigir entregas de seus liderados de forma consistente, equilibrada e justa. Se falharem nessa missão, eles mesmos acabarão fazendo as tarefas que sobraram — o que pode levá-los ao esgotamento físico e psíquico, além de trazer resultados piores para o negócio: 
“A cobrança pode gerar um certo desconforto, mas faz parte. (…) A equipe tem que (…) estar consciente de seus direitos e responsabilidades. Caso contrário, você acabará acumulando funções, (…) com maiores chances de cometer erros”
Qual a sua opinião? Participe da conversa nos comentários abaixo.

— Guilherme Odri e Claudia Gasparini

FOTO | Praia carioca lotada: apesar disso, brasileiros vão gastar menos nas férias (CARL DE SOUZA/AFP/Getty Images)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PREFEITURA DE SURUBIM INAUGURAR NOVA UNIDADE DE SAÚDE NO BAIRRO BELA VISTA, VEJAM O VÍDEO

A Prefeita Ana Célia junto com a Secretária de Saúde Tiago e outras Secretárias Inaugura nesta quinta feira(22) a nova Unidade de Saúde (PS...