sexta-feira, 14 de junho de 2019

Deslizamentos deixam dois mortos e sete desaparecidos na RMR

Segundo o site https://www.op9.com.br: Em Camaragibe, sete pessoas continuam soterradas, incluindo cinco crianças. Em Jaboatão dos Guararapes, quatro pessoas da mesma família foram atingidas por queda de barreira e uma adolescente de 17 anos morreu

Segundo a prefeitura, a área do desabamento era um ponto de risco, onde já havia sido feito um trabalho preventivo. Foto: Cortesia
Atualizada às 19h04
Deslizamentos de barreiras em decorrência das chuvas intensas que castigaram a Região Metropolitana do Recife causaram a morte de pelos menos duas pessoas ao longo desta quinta-feira (13). Na área central de Camaragibe, um homem morreu, uma mulher foi resgatada e outras sete pessoas continuam soterradas sob os escombros de duas casas que desabaram.
Em Jaboatão dos Guararapes, uma adolescente de 17 anos morreu e três irmãos mais novos ficam feridos após o desmoronamento de um imóvel que tinha sido interditada pela Defesa Civil havia três anos. Para piorar o quadro de caos e tragédia, as chuvas torrenciais voltaram a cair por volta de 18h30, dificultando ainda mais o trabalho de resgate das vítimas soterradas.
O primeiro desmoronamento ocorreu na 2ª Travessa da Rua Bom Jesus, no bairro dos Estados, no Centro de Camaragibe, na manhã desta quinta-feira (13). A única vítima resgatada com vida até a noite desta quinta-feira, uma mulher de 19 anos, foi identificada como Larissa. Ela foi retirada do meio da lama com ferimentos leves cinco horas do início do trabalho de resgate e informou aos bombeiros que mais sete pessoas continuam soterradas no local. Entre os desaparecidos, estão cinco crianças, segundo relato da sobrevivente.
O óbito de uma das vítimas, o marido de Larissa, foi confirmado pelo Corpo de Bombeiros, que está no local atuando no regaste e no socorro aos desaparecidos ao lado da Defesa Civil do município. Ainda não há detalhes sobre identidade dele e o corpo segue em meio aos escombros em um local de difícil acesso. Socorristas vão passar a madrugada no local na esperança de resgatar os desaparecidos. O clima é de desespero entre vizinhos e parentes da família soterrada.
Em Jaboatão, por volta de meio-dia, uma família foi atingida após o desmoronamento registrado na localidade de Jardim Monte Verde, no Ibura. Maria Gabriela da Silva Souza, de 17 anos, morreu na UPA de Lagoa Encantada logo depois de ser retirada dos escombros. Os irmãos dela, de 13, 12 e sete anos também foram atingidos pelo deslizamento e continuam internados. A casa onde a família estava tinha sido interditada desde 2016 pela Defesa Civil de Jaboatão. A dona do imóvel saiu de casa e alugou a residência para a família de Maria Gabriela.                              
  
Segundo a Prefeitura de Camaragibe, a área do desabamento era um ponto de risco, onde já havia sido feito um trabalho preventivo, mas com as fortes chuvas de hoje a barreira acabou cedendo. A prefeitura divulgou nota afirmando que todos os esforços estão sendo feitos no auxílio às vítimas.
De acordo com a Defesa Civil da cidade, foram mais de 100 chamados desde a meia-noite de hoje. O volume de água ultrapassou 85mm nesta manhã. O órgão reforça que segue de prontidão nos telefones 2129-9564 e 98723-1025 (WhatsApp) para atendimento de emergências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escola cívico-militar: Região Nordeste é recordista com 290 prefeituras inscritas para aderir à gestão de excelência

Segundo o site  https://portaldeprefeitura.com.br :  No país, um total de 643 municípios, das 5 regiões, sinalizou ao Ministério da Educação...