quarta-feira, 24 de abril de 2019

Justiça cancela punição e Richthofen deve sair no Dia das Mães

Segundo o site https://noticias.r7.com: Suzane havia perdido o direito de “saidinhas” após ser pega participando de uma festa de casamento em Taubaté, em dezembro do ano passado
A 5ª Câmara de Direito Criminal do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) julgou o habeas corpus da defesa de Suzane von Richthofen e cancelou a punição que ela havia recebido, que a impedia de receber o benefício de saída temporária em datas comemorativas
. Com isso, ela deve passar o Dia das Mães nas ruas.                                  
Suzane havia perdido o direito de “saidinhas” após ser pega participando de uma festa de casamento em Taubaté (a cerca e 150 km de São Paulo), enquanto gozava do direito de saída temporário do Natal, em dezembro do ano passado.
Na decisão em fevereiro deste ano, a juíza Wania Regina da Cunha, da Vara de Execuções Criminais de Taubaté, considerou que houve uma falta grave de Suzane, pois era obrigatório que, ao sair da prisão, ela seguisse direto para o endereço indicado previamente, na capital paulista.
Condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, em outubro de 2002, Suzane já cumpriu 16 anos de prisão.
Ela foi condenada por tramar a morte dos pais, Manfred e Marísia von Richthofen, na companhia dos irmãos Daniel e Cristian Cravinhos, ex-namorado e ex-cunhado, respectivamente. Dos três, apenas Daniel saiu da prisão para cumprir a pena em regime aberto.
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PREFEITURA DE SURUBIM INAUGURAR NOVA UNIDADE DE SAÚDE NO BAIRRO BELA VISTA, VEJAM O VÍDEO

A Prefeita Ana Célia junto com a Secretária de Saúde Tiago e outras Secretárias Inaugura nesta quinta feira(22) a nova Unidade de Saúde (PS...