Ex-mulher e ex-cunhado de advogado morto a tiros em Caruaru foram mandantes do crime, diz Polícia Civil

Segundo o site https://g1.globo.com/pe/caruaru: Mulher foi presa e o irmão dela está foragido. Supostos mandantes tinham envolvimento com um esquema de lavagem de dinheiro, segundo foi apresentado em coletiva.Detalhes da Operação 'Patronus' foram divulgados na manhã desta segunda-feira (1º), em Caruaru — Foto: Magno Wendel/TV Asa BrancaDetalhes da Operação 'Patronus' foram divulgados na manhã desta segunda-feira (1º), em Caruaru — Foto: Magno Wendel/TV Asa Branca
A ex-mulher e o ex-cunhado do advogado André Ambrósio Ribeiro Pessoa, morto a tiros em julho deste ano, foram os mandantes do crime. A informação foi divulgada pela Polícia Civil nesta segunda-feira (1º). A mulher foi presa durante a Operação "Patronus", desencadeada em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O irmão dela está foragido.
De acordo com a polícia, o crime foi motivado pelo fato de que a vítima descobriu que os mandantes estavam envolvidos em um esquema de lavagem de dinheiro. Os suspeitos e a vítima eram sócios em uma empresa.
Ainda segundo a polícia, a mulher também não aceitava o fim do relacionamento e alegou que teve "prejuízo financeiro" após o advogado descobrir os crimes nos quais ela estava envolvida.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

General Heleno: “Vamos fechar o Congresso Nacional. Não existe nenhuma Democracia em nosso País mais.”

Noticia Urgente: Cantor Murilo Manoel de Moura sofre acidente de Moto e chega a óbito

Jovem morre em acidente de transito na PE 90 na cidade de Surubim